Boa tarde, Tiago. Boa tarde, amigo ouvinte.

Estamos aqui, dentro do Mix 96, para mais uma vez aprendermos um pouco mais sobre a nossa Língua Portuguesa. Afinal, somos o que falamos e escrevemos. Não é mesmo? Só o Cuidado com a Língua oferece a você, todas as segundas-feiras, as dicas mais bacanas para nos expressarmos da forma mais correta. No programa de hoje, responderemos à dúvida enviada pela nossa ouvinte Isabela Mendes, lá do distrito de Mutans. Ela nos questiona sobre a utilização do HAVER ou A VER. Deu para entender a diferença? Certamente não. É justamente pela semelhança na pronúncia que sempre ficamos na dúvida sobre como empregar o verbo HAVER (escrito com H) e A VER (que é a preposição A + o verbo VER). Vamos então à explicação, porque aprender nunca é demais. Eu, você Isabela e o Cuidado com a Língua agora na 96fm. Humm… Nada a ver essa chamada no meio do programa, não concordam? Pois então… a partir de hoje, quando quiserem dizer que algo “não combina”, “não tem relação”, “não devia ser dito”, utilizem a preposição A + o verbo VER e nunca o verbo HAVER (com H). Entendeu? Vamos praticar para aprender? “Esta roupa não tem nada a ver com você”, “Nada a ver o que você disse”, “O gatinho da academia não tem nada a ver com você”. Prestem atenção no que canta a Banda Cheiro de Amor na música “Tudo a ver”…  Se a Aline canta que a gente tem tudo a ver (sem H) porque nós também não podemos nos adaptar? Simples, não é? Esqueçam o HAVER com H e usem sempre A VER para dizer o que gosta. Seja tudo a ver com a nossa Língua e não deixe de mandar sua dúvida para nós. Faça como a Isabela e participe você também do Cuidado com a Língua. Eu, o Mix 96 e a 96 fm teremos o prazer em responder à sua dúvida. E não se esqueça que temos brindes para você que ligar dizendo que está curtindo o programa. Afinal, as dicas da equipe Bakana e do Cuidado com a Língua têm tudo a ver com você. Toda segunda-feira, aqui na 96fm, comigo – Fernanda Araújo.

Anúncio

Deixe uma resposta