Anúncio

Aconteceu no fim da tarde de quinta-feira,26, no salão principal do Fórum Durval da Silva Pinto, em Conceição do Coité, a oficialização da união homoafetiva de Gildean Almeida Gomes e Maria Cristina Mendes, sendo o primeiro ato desta natureza em Conceição do Coité e da região do Sisal.O Distrito de Rómulo Campos no Município de Itiúba foi o primeiro caso da região Norte Nordeste da Bahia.

A cerimônia de casamento de Dean e Cristina foi mais simples que o ‘pré-casamento’ ocorrido em 25 de novembro do ano passado, na sede do Centro de Atenção Psicossocial – CAPS onde se conheceram. Na ocasião já estavam convivendo na mesma casa a seis meses, diziam que se amavam,mas eram constantes a brigas, fato que deixou o juiz Gerivaldo Alves Neiva não muito seguro para oficializar o ato, até porque foi informado que na véspera do casamento o casal havia se desentendido.

Diante da presença de convidados e do agendamento do compromisso, o magistrado resolveu realizar a cerimônia, mas optou por não colocar a certidão para assinaturas, e, sugeriu que ambos passassem a viver a vida normal de casados, não oficial, e deu o prazo de 90 dias para provarem que realmente estavam dispostas a conviverem sem conflitos. Ao tomar conhecimento de que o casal estava vivendo em plena harmonia em Salvador, inclusive com Dean (que assume o papel de homem) empregado em um restaurante,resolveu oficializar a união que ocorreu apenas com a presença de dois testemunhas e o Calila Noticias.

Vi no Calila Noticias.

Anúncio

Deixe uma resposta