Anúncio
Alexandre Galvão - Bahia Notícias
Alexandre Galvão – Bahia Notícias

Em greve há dois dias, os servidores municipais da cidade de Urandi, no Sertão Produtivo, não conseguem uma reunião com prefeito – Dorival Barbosa (PP) – e não vêm previsão de terem suas pautas atendidas. De acordo com Idalina Gonçalves, presidente do sindicato de servidores municipais, os funcionários querem o reajuste salarial, o suprimento do piso salarial para todas as categorias e o pagamento da mensalidade dos servidores filiados. “Fizemos uma manifestação, ocupamos a prefeitura e agora eles (a prefeitura) estão dizendo que depredamos o patrimônio público, o que não é verdade”, defendeu. Ainda de acordo com Idalina, o prefeito – que é médico – mora em uma cidade vizinha, vai ao município que governa uma vez na semana e só trabalha por quatro horas. “Ele disse que só atende a gente na Justiça e não pode nos receber, pois tem muitas cirurgias marcadas”, contou a dirigente sindical.

Anúncio

Deixe uma resposta