Anúncio

Camaçari Fato & Fotos

Na Europa, a Universidade do Estado da Bahia (Uneb) pavimentou a consolidação de sua política de internacionalização. A instituição de ensino superior público teve sua associação ao Grupo Coimbra de Universidades Brasileiras (GCUB) aprovada na semana passada, durante VII Seminário Internacional e VIII Assembleia Geral do GCUB, na Universidade de Manchester, Reino Unido. No ato, o reitor da Uneb, professor José Bites, defendeu que as universidades estaduais e municipais do Brasil atendem atualmente mais de 700 mil estudantes, em 2,3 mil cursos de graduação e 1,3 mil pós-graduações.

vianorte post

“Elas [as universidades estaduais e municipais brasileiras] exercem papel fundamental na inclusão social e no acesso à educação superior de segmentos da população historicamente mais vulneráveis”, afirmou o reitor. Bites representou a Associação Brasileira dos Reitores das Universidades Estaduais e Municipais (ABRUEM), que reúne 45 instituições de ensino superior em 22 estados do país.

O GCUB é uma reconhecida entidade cuja missão é fomentar a internacionalização universitária por meio de programas e ações de cooperação internacional. O seminário internacional, que comemorou o sétimo aniversário de criação da entidade, debateu o tema “Educação Superior, Inovação e Internacionalização”.

Sketch Post

“Nossas universidades necessitam desenvolver mais ações de internacionalização. Precisamos promover cada vez mais os intercâmbios de docentes, discentes e técnicos, as trocas de experiências, as transferências de conhecimentos”, pontuou José Bites.

Anúncio

Deixe uma resposta