Tiago Marques | Redação 96FM

Moradores de Caetité que há três anos convivem com racionamento de água, sofrem com o atraso nas obras da adutora do São Francisco que pode dar fim ao problema da falta de água na região. A situação no município é preocupante, para se ter uma ideia, caminhões pipa estão sendo abastecidos em Guanambi para levar água para tratamento e distribuição em na cidade.

Sobre este fato, o morador Romar Rodrigues fez uma denuncia em sua rede social, na qual acusa a Embasa de contratar uma empresa que usa caminhões com tanques inadequados para o transporte de água. “Os caminhões possuem tanques de transporte de combustíveis, por mais que a água passa por um processo na embasa quem é que sabe a procedência dessa água?”

transporte de combustíveis

Moradores do município de Caetité têm vivido grandes dilemas sobre sua riqueza de recursos naturais e os possíveis impactos de sua extração  na saúde da população. O município também experimentou a expansão dos parques eólicos, o avanço da Fiol e em breve experimentará também os impactos da extração do minério de ferro. O mineral precioso na cidade é água, enquanto não fica pronta a adutora, o abastecimento de água na cidade segue em regime de racionamento, recentemente o Ministério da Integração Nacional anunciou o repasse de R$5,3 milhões para o término da obra.

Anúncio

um comentários

Deixe uma resposta