dramatic sunset over drought earth
As chuvas ficarão até 40% abaixo da média histórica para os Meses de Dezembro, Janeiro e Fevereiro na região de Guanambi e em boa parte do Brasil. Segundo os modelos meteorológicos, o El Nino ganhará ainda mas força no próximo trimestre.
12346697_1170995842915090_1118691146_n
Previsão climática indica % maior de chuva abaixo do normal em DJF na metade norte do país e acima no Sul e sul de MS. (Crédito da imagem: Cptec/Inpe)
O “Monstro” que já um dos maiores fenômenos já registrados, desde outubro concentrou as chuvas no Sul do País. Os volumes de chuva registrados em Guanambi nos meses de Outubro e Novembro já foram abaixo da média.

pg_graf_chuva_aut

 

 

Quando o El Niño recuar, um outro fenômeno que impacta o clima global ganhará força, a La Niña, fenômeno oceânico-atmosférico com características opostas ao EL Niño, e que caracteriza-se por um esfriamento anormal nas águas superficiais do Oceano Pacífico Tropical.
.
Anúncio

Deixe uma resposta