Anúncio

Redação 96FM

A equipe do Serviço de Inteligência da 22ª Coorpin predeu nesta quinta-feira (21) em Guanambi, dois homens suspeitos de serem os assassinos de Paulo Roberto Fernandes, ocorrido no ano de 2015, na cidade de Caetité. Antonio Carlos dos Santos Oliveira, vulgo “Tonho Macarrão” e João Victor Teixeira Fernandes, tiveram suas prisões foram decretadas pelo juiz da comarca de Caetité, após representação do DPC Clécio Magalhães, que indiciou os dois no inquérito que apura o homicídio.

a0d54da96b738a87f64e9bbddb7c9200
“Tonho Macarrão” e Antônio Carlos

Paulo Roberto tinha 49 quando foi executado na porta de sua residência com três tiros de revolver calibre 38, que o atingiram nas pernas, costas e abdômen. Paulão era chapa em Caetité, mas é natural de Guanambi filho de seu Louro (já falecido) e dona Helena residem na Rua Ovídio dos Santos na Vila Nova.

Anúncio

Deixe uma resposta