Anúncio

Redação 96FM

Policiais civis descobriram, na manhã desta quarta-feira, 15, uma roça de maconha, no município de Cafarnaum, no Centro Norte da Bahia, avaliada em R$ 5 milhões, que produziria dez toneladas da droga. A descoberta veio após quatro meses de investigação.

A roça, pertencente a uma facção criminosa que atua em todo o estado, ficava na zona rural da cidade e possuía sistema de irrigação com poços artesianos e reservatório de água com bombas de sucção.

Todo o material apreendido será encaminhado para o Departamento de Polícia Técnica (DPT), onde será contado, pesado e passará por análise. Após esses procedimentos, a droga será incinerada.

“Esta é mais uma demonstração do empenho da polícia baiana em combater o tráfico de drogas em todo o estado. Estamos focados em desarticular os grupos criminosos que, além da venda de entorpecentes, praticam homicídios, roubos a bancos, entre outros crimes”, explicou o diretor do Departamento de Polícia do Interior (Depin), Ricardo Brito.

O delegado disse ainda que os donos da plantação de maconha já foram identificados e que as equipes realizam diligências na região para capturá-los. Participaram do cumprimento de mandados de busca e apreensão delegados, investigadores e escrivães da 14ª Coordenadoria de Polícia do Interior e Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes (DTE), ambas de Irecê, das delegacias territoriais de Morro do Chapéu e Cafarnaum, além de equipes da Coordenação de Apoio Tático e Investigação (Cati) do Depin.

Foto: Divulgação/SSP-BA

Anúncio

Deixe uma resposta