Redação do Blog

Depois de o tamanho das mochilas entregues a estudantes de Jequié ter virado piada na internet, a prefeitura da cidade resolveu fazer uma homenagem ao Dia das Mães fazendo uma referência ao caso. A proporção “gigante” virou “meme” para os internautas, que brincaram com imagens de alunos de creches usando as mochilas.

“Parabéns a você que é mãe e carrega consigo a grandeza de sentimentos maiores do que a nossa mochila”, diz a frase em uma postagem publicada na página do Facebook da Secretaria Municipal de Educação da cidade.

A prefeitura já havia explicado que inicialmente não estava prevista a distribuição das mochilas para as crianças pequenas da creche, mas professores, diretores e a própria secretaria de Educação se reuniram e decidiram fazer a entrega também para os alunos menores.

O secretário da Educação da cidade, Roberto Gondim, afirmou que o tamanho das mochilas não foi pensado para os estudantes das creches. “Se tiver que admitir que poderíamos ter planejado um quantitativo de mochilas menores, eu não tenho nenhuma dificuldade em reconhecer isso. Mas acho que o brilho da iniciativa e da conquista deste conjunto precisa ser valorizado”, disse.

Em nota enviada ao portal G1, a Secretaria de Educação de Jequié informou que as mochilas distribuídas foram licitadas antes do término das matrículas e, por isso, tiveram que ser padronizadas. Na nota, a secretaria afirma que tomou a atitude de também distribuir as mochilas para os alunos das creches para evitar qualquer tipo de discriminação, principalmente com as crianças menores, “prevalecendo assim o cuidado e a satisfação em ver a alegria das crianças e da família ao receberem as mochilas”.

Os pais das crianças defenderam o tamanho das mochilas, dizendo que nas bolsas cabe o material que os pequenos precisam. “Cabe tudo o que ele vai necessitar durante o dia na creche”, defendeu Vanessa Pereira, mãe de um aluno.

O investimento foi de quase R$ 20 por kit (mochila, camisetas e uma espécie de pochete para que os alunos possam guardar materiais como lápis, canetas e borrachas), o que soma um investimento de mais de R$ 300 mil.

Em comparações que circularam na internet, os alunos da creche viraram personagens do famoso game Super Mario. Em outras, as crianças acabaram vestindo a fantasia das tartarugas ninjas. Teve quem brincasse que os estudantes iriam para o Centro Nacional de Paraquedismo.

Foto: Reprodução/Facebook

Anúncio

Deixe uma resposta