Foto: Secom Bahia

Se você acha que o jumento ou o jegue serve só para carregar carga ou para montaria, engana-se. Um frigorífico da cidade de Amargosa, que fica a 160 quilômetros de Salvador, iniciou nesta quarta (26) o abate de jumentos. O frigorífico responsável pelo abate dos muares é o Frinordeste e deve produzir cerca de 3mil quilos da carne por mês. Por enquanto, a iguaria tem apenas como destino o mercado asiático.

Um dos sócios da empresa, Mairton Souza, afirma que o abatedouro trabalhará somente com a carne de jumento. “Para conhecer o mercado, nós iniciamos o abate, de forma experimental, no frigorífico da Chapada Diamantina (FrigoCezar), em Miguel Calmon. A partir desse teste, nós destinamos um frigorífico apenas para este tipo de abate”, pontua Souza.

Rui Costa confirma a criação de mais de 400 empregos com a inauguração do frigorífico. E promete volta ao país asiático para firmar mais grandes investimentos na Bahia visando a geração de emprego, renda e desenvolvimento da Bahia.

Da Redação do Blog, com informações do Metro1.

Anúncio

Deixe uma resposta