Anúncio
Reprodução | SBT

Tiago Marques | Agência Sertão

O baiano Dário Héberson é um dos finalistas do Bake Off Brasil, reality show do SBT onde confeiteiros disputam quem faz os melhores bolos e doces. Ele lidera a enquete do site do programa que mede a torcida por cada participante.

O jovem de 25 anos é natural da cidade de Ribeira do Pombal, mas se mudou aos cinco anos para Teixeira de Freitas, em 2015 ele se mudou para Guanambi, onde trabalhava como técnico em Informática no Instituto Federal Baiano – Campus Guanambi. Desde os primeiros programas, Dário mostrou favoritismo na disputa, tendo ganhado diversas provas no decorrer o do reality.

Dário lidera enquete na página do Bake Off Brasil

No último sábado (9), Dário foi destaque mais uma vez, ele venceu a semifinal e ficou com o avental do mestre confeiteiro e uma das três vagas na final. O faixa preta de Jiu-Jitsu, José Negreiros de Campinas (SP) e a confeiteira Johanna Aquino, de Petrolina (PE) concorrem ao prêmio do Bake Off Brasil.

O reality foi gravado há três meses, os participantes já sabem desde então do resultado, no entanto o sigilo é mantido sob contrato. Dário aproveita a fama proporcionada pela exposição de seu talento com a confeitaria, desde o fim das gravações ele já ministra cursos em várias cidades. Ele pediu exoneração do serviço público para se dedicar à confeitaria, um dos indícios do bom resultado no Bake Off Brasil.

O último episódio do Bake Off Brasil vai ao ar no próximo sábado (16), às 21:30, no SBT.

Trajetória

Reprodução | SBT

Antes de superar 21 competidores no Bake Off Brasil, Dário foi um estudante aplicado na Escola Adventista até fundamental e no Colégio Modelo Luís Eduardo Magalhães em Teixeira de Freitas, onde fez o ensino médio. Formado em Ciências da Computação, Dário trabalhou como professor de informática, deu aulas de inglês para crianças e trabalhou na Prefeitura de Teixeira de Freitas.

Em meados de 2005, com apenas 12 anos, em um acidente de moto, seu pai ficou cadeirante. Dário então assumiu a responsabilidade de ajudar sua mãe a cuidar de seu pai, dos serviços de casa e nas vendas de artesanatos que ele fazia para complementar a renda familiar.

Em Teixeira de Freitas, ele produziu um longa-metragem intitulado Mãe-de-Ouro e o Encanto da Vela Oculta, que lhe rendeu um bolsa na Faculdade de Cinema na cidade de Cachoeira-BA. Acabou abandonando o curso quando foi aprovado no concurso público.

Segundo amigos e conhecidos, Dário conheceu a confeitaria quando, para se manter,  começou a fazer bolos de pote e cupcakes para vender na faculdade. O resultado não podia ser outro, mesmo com recursos limitados o sucesso de suas receitas foi tão grande que logo começou a receber várias encomendas. Sempre dedicado, começou a treinar e estudar sozinho a arte da confeitaria, através de vídeos online.

Anúncio

Deixe uma resposta