Reprodução
Anúncio

Zeca Camargo foi condenado pela Justiça a desembolsar R$ 60 mil a João Reis, pai de Cristiano Araújo, e à empresa que cuidava do cantor. O apresentador da TV Globo havia sido processado por danos morais após questionar a fama do sertanejo e os ‘limites do espetáculo’ em uma coluna.

Na ocasião, depois da repercussão negativa de sua opinião, o famoso chegou a fazer um pedido público de desculpas, cuja sinceridade foi questionada pelos fãs do sertanejo, já que o apresentador chamou Cristiano Araújo de Cristiano Ronaldo.

Aliás, o profissional deixou claro que vai recorrer da decisão e fez questão de ressaltar ao jornal “Agora S. Paulo”: “Embora eu nunca tenha ofendido nem ao cantor, nem a ninguém de sua família, e muito menos aos seus fãs”.

Anúncio

Deixe uma resposta