Reprodução
Anúncio

Devido o aumento da violência no Carnaval do Rio de Janeiro, a União decidiu intervir na Segurança Pública do Estado. De acordo com a Folha, as Forças Armadas assumirão as atividades. A ideia do governo federal é que a ação dure até dezembro deste ano, mas os últimos detalhes do texto do decreto serão definidos nesta sexta (16).

O interventor em nome do Exército, segundo a Folha apurou, será o general Braga Neto. Segundo com presentes à reunião com o presidente Michel Temer, seria a primeira intervenção do tipo desde a aprovação da Constituição de 1988.

Anúncio

Deixe uma resposta