Reprodução
Anúncio

O Supremo Tribunal Federal julga nesta quarta-feira (4) o pedido de habeas corpus impetrado na Corte pela defesa do ex-presidente Lula (PT).

Se a decisão for favorável, Lula deve surgir um precedente a ser explorado por outros réus da Lava Jato. Procuradores falam em risco de efeito cascata sobre a Lava Jato, que tornaria inócuas as iniciativas da operação e estimularia a impunidade no país.

De acordo com a Folha, espera-se que cinco ministros votem pela concessão da medida a Lula e cinco contra. O voto decisivo deve ser o de Rosa Weber, que é contra a prisão em segunda instância, mas tem respeitado o entendimento atual.

Acompanhe ao vivo

 

Anúncio

Deixe uma resposta