Foto; Reprodução
Anúncio

Agência Sertão

Informações divulgadas pelo Facebook nesta quarta-feira (4) revelam que 87 milhões de pessoas no mundo tiveram seus dados usados de maneira indevida pela Cambrigde Analytica. No Brasil foram 443 mil.

De acordo com Noticias ao Minuto, em nota, a empresa afirma que enviará a cada usuário afetado um link com a lista dos aplicativos com os quais as informações foram compartilhadas, de modo a oferecer a possibilidade de as informações serem desabilitadas.

O país com o maior número de cidadãos afetados foi a Filipinas, com 1,17 milhão, seguido por Indonésia (1,09 milhão) e Reino Unido (1,08 milhão). O Brasil é o oitavo.

Anúncio

Deixe uma resposta