Reprodução

Se o ex-presidente Lula permanecer preso na superintendência da Polícia Federal em Curitiba, ele  não poderá votar nas eleições deste ano.  De acordo com o Estadão, o atual  local onde o petista está não é uma unidade prisional, por isso não receberá urnas eletrônicas.

Lula é um dos candidatos que disputa uma vaga no Planalto. Caso ele seja  transferido para um presídio até o pleito, poderá votar porque seu caso ainda não foi transitado em julgado. Se a unidade prisional for no Paraná, porém, Lula só poderá escolher o presidente. O petista não transferiu o título no prazo legal.

Anúncio

Deixe uma resposta