Reprodução
Anúncio

Um grupo brasileiros se envolveu em uma briga com torcedores sérvios ao final da partida entre as duas seleções. Nesta quarta-feira em Moscou, um vídeo foi gravado nas arquibancadas do estádio e mostra a confusão com troca de socos, entre seis brasileiros e dois sérvios.

O UOL Esporte conversou com a dentista Rosane Santiago, que gravou as imagens, e com os dois sérvios envolvidos na briga. Rosane disse que os brasileiros foram provocados durante todo o jogo e acrescentou, “enquanto comemoravam a vitória por 2 a 0, foram atacados pelos estrangeiros”. Seguranças precisaram intervir.

“Eles provocaram o tempo todo. No primeiro tempo, um sérvio mexeu com uma das meninas e depois ficou tirando fotos dela sem autorização. No final do jogo, nós estávamos comemorando e eles arrancaram a bandeira, provocaram e partiram para cima”.

Rosane falou que não foi a única briga que aconteceu entre brasileiros e sérvios. A dentista estava no setor 1 e viu outra no setor 3 no anel superior do estádio. Na confusão não houve feridos do lado brasileiro. Segundo Rosane dois sérvios foram parar na enfermaria.

“A gente comprou ingresso em um setor mais caro para não ter este tipo de coisa, mas não teve jeito. Um dos sérvios estava muito exaltado o jogo todo. Eles estavam bêbados e este ia na direção das arquibancadas e era parado pelo segurança”.

Versão dos sérvios

Os sérvios, no entanto, apresentam versões bem diferentes sobre o episódio. O senhor de cabelo grisalho que aparece na foto estava acompanhado do filho, de cerca de 30 anos, e da mulher. Nenhum deles permitiu a divulgação do nome com medo de sofrer represálias da Fifa e perder a credencial de torcedor.

O filho dele informou à reportagem que o clima estava amistoso entre brasileiros e sérvios com as pessoas conversando e até tirando fotos. Mas que alguns brasileiros começaram a provocar ao final da partida fazendo sinal para que os sérvios calassem a boca por terem perdido a partida e usando palavras ofensivas. Ele então revidou a provocação da mesma forma, mas sem violência. O torcedor disse que, neste momento, um brasileiro partiu para cima do pai dele dando um soco.

Anúncio

Deixe uma resposta