Anúncio

Este sábado (7) marca os três meses para a eleição de outubro. Por isso, os gestores públicos precisam redobrar os cuidados com o comportamento. Neste período, aumentam as chamadas condutas vedadas. O chefe da assessoria consultiva da presidência do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Sérgio Ricardo dos Santos, destacou as principais proibições.

O descumprimento dessas regras pode resultar em punições tanto para o servidor público quanto para o candidato que seja beneficiado por atos dele. Foi o que alertou Sérgio Ricardo.

Os comportamentos proibidos estão na página do TSE na internet: tse.jus.br. E se você perceber algum comportamento suspeito, pode fazer denúncia na página do Ministério Público Eleitoral. O endereço é mpf.mp.br/pge.

Anúncio

Deixe uma resposta