Imagem Ilustrativa / Reprodução
Anúncio

Agentes da 22ª Coordenadoria de Polícia do Interior de Guanambi (Coorpin) cumpriram um Mandado de Prisão, em desfavor Manoel Aparecido Fernandes de Souza, de 53 anos, no início da tarde desta quinta-feira (16), na zona rural de Igaporã.

Conforme informação do delegado Rudson Barcelos repassada à imprensa, Manoel é acusado de molestar a enteadade 11 anos. Os abusos contra a menor aconteciam na zona rural de Guanambi, há três anos, segundo o delegado.

Durante a coletiva concedida à imprensa local, Barcelos afirmou que o crime era investigado desde abril, quando ele teve acesso a um vídeo gravado pela menor, o qual deixava nítido os abusos praticados pelo padrasto.

Manoel foi preso na zona rural de Igaporã

De acordo com Rudson Barcelos, a filha relatou os abusos para sua genitora, como ela não acreditou, ela então gravar um vídeo. “A mãe da menor gravou um novo vídeo e entregou para os conselheiros tutelares”, comentou Barcelos.

O delegado afirmou ainda que no início de maio, encaminhou o inquérito para a justiça, mas o mandado de prisão foi expedido somente nessa semana. Questionado se nesse período a criança teve contato com o padrasto, ele afirmou que não. “Ela estava morando com uma tia, então não houve contato”, falou.

Para Barcelos, o uso da tecnologia foi fundamental nesse caso “Ele agora está à disposição da Justiça”, concluiu Barcelos.

Via Folha do Vale

Anúncio

Deixe uma resposta