Reprodução
Anúncio

Tiago Marques | Agência Sertão

O domingo (7) foi de filas intensas em todas as sessões eleitoras eleitorais de Guanambi. Os 51.637 eleitores que compareceram às urnas tiveram que esperar, em alguns casos, por horas, para poder exercer a obrigação do voto. As últimas urnas chegaram ao Fórum da Justiça Eleitoral próximo das 22h.

O problema foi causado pela demora na identificação biométrica e também pela dificuldade apresentada por alguns eleitores para completar os seis votos. A apuração só foi concluída por volta das 22h30.

Veja também:
Ivana Bastos é reeleita deputada estadual com 76.605 votos
Com 74.116 votos, Charles Fernandes fica como primeiro suplente de deputado federal

Segundo a Justiça Eleitoral, das 178 urnas disponíveis para votação em Guanambi, uma apresentou defeito e precisou ser substituída. Tirando o atraso no fim da votação, não foram registradas ocorrências relevantes na cidade durante todo o dia.

Anúncio

Deixe uma resposta