Guanambi e Região

Lacen detecta 63 casos da variante Delta em Feira de Santana, Guanambi, Itabuna e mais 16 municípios

Publicado por
Tiago Marques
Compartilhado

O Laboratório Central de Saúde Pública da Bahia (Lacen-BA) divulgou, neste sábado (09), a detecção por meio de sequenciamento genético de mais 63 amostras da variante Delta da Covid-19 no estado. Com esses novos registros, a Bahia tem, ao todo, 135 casos da variante, com dois óbitos.

Os novos casos foram identificados em pacientes residentes nos municípios de Baixa Grande, Bonito, Camaçari, Cruz das Almas, Feira de Santana, Guanambi, Itabuna, Jaguaquara, Lauro de Freitas, Luís Eduardo Magalhães, Porto Seguro, Remanso, Riachão do Jacuípe, Salvador, Santa Maria da Vitória, São Gonçalo dos Campos, Senhor do Bonfim, Sento Sé e Uauá.

Anteriormente, 72 casos com a variante Delta foram notificados em residentes dos municípios de Aporá, Baixa Grande, Barrocas, Bonito, Brumado, Camaçari, Canavieiras, Cícero Dantas, Conceição do Almeida, Coribe, Entre Rios, Feira de Santana, Ilhéus, Itabuna, Lauro de Freitas, Maracás e Nilo Peçanha, Maraú, Medeiros Neto, Muritiba, Nova Fátima, Pé de Serra, Prado, Riachão do Jacuípe, Salvador, São Gonçalo dos Campos, Sapeaçu, Senhor do Bonfim, Simões Filho, Teixeira de Freitas, Vereda, Vitória da Conquista, além de um tripulante de um navio ancorado em Salvador.

A diretora-geral do Lacen-BA, Arabela Leal, explica que “é importante destacar que estamos utilizando um protocolo novo, que não são de amostras aleatórias. Estamos concentrando atenção nas amostras provenientes de municípios com aumento do percentual de casos positivos ou que tenham casos anteriores da Delta”.

A secretária estadual da Saúde em exercício, Tereza Paim, ressalta que a principal medida para conter o avanço da Covid-19 e, por consequência, a variante Delta, é o avanço da vacinação. “É importante que as pessoas busquem as unidades de saúde para se vacinarem contra a doença, incluindo também a dose de reforço. Temos mais de 700 mil pessoas que não tomaram a segunda dose. O esquema completo de vacinação dá uma maior garantia de defesa contra a Covid-19”, afirma.

Reconhecido como a 3ª maior unidade de vigilância laboratorial do país e classificado na categoria máxima de qualidade pelo Ministério da Saúde, o Lacen-BA analisou amostras de mais de 200 municípios dos nove Núcleos Regionais de Saúde. O Lacen-BA já realizou cerca de 800 exames de sequenciamento genético do vírus da Covid-19.

Tiago Marques

Notícias recentes

Dupla foi presa traficando drogas em Vitória da Conquista

Dois homens foram presos traficando drogas em Vitória da Conquista, nesta quinta-feira (2). O primeiro…

Estudantes e professores da rede estadual estão passando por ciclos de testagens da Covid-19 em Guanambi

Estudantes, professores e servidores das escolas estaduais de Guanambi estão participando do projeto "Partiu! #Testagem…

Azul terá voos todos os dias da semana em Guanambi a partir de março

A Azul Linha Aéreas vai ampliar novamente a frequência do voo entre Guanambi(BA) e Belo…

ECPP Vitória da Conquista fará amistoso contra seleção de Brumado nesta sexta-feira

Um amistoso de futebol entre as seleção de Brumado o ECPP Vitória da Conquista está…

Audiência pública vai debater planos municipais de Saneamento Básico e Resíduos Sólidos em Guanambi

A Prefeitura de Guanambi e a empresa Saneando Engenharia vão promover uma audiência pública nesta…

Centro de Cultura de Vitória da Conquista retoma eventos presenciais em dezembro

Exposição de artes plásticas, festival estudantil de música e encontro de orquestras são algumas das…