Guanambi e Região

Barragem de Ceraíma começou a sangrar, veja as primeiras imagens

Publicado por
Tiago Marques
Compartilhado

Depois de muita expectativa, o reservatório da Barragem de Ceraíma, em Guanambi, enfim atingiu sua capacidade máxima e a água finalmente desceu pelo vertedouro depois de quase 30 anos. De acordo com informações de moradores da vila próxima ao local, a barragem começou a sangrar por volta de 1h desde domingo (9).

São 50,09 milhões de metros cúbicos de água acumulada para uso na irrigação e no abastecimento humano.

A água escorreu lentamente pelas paredes de concreto e seguiu seu fluxo pelo leito do rio Caranaíba de Dentro. Nas primeiras horas da manhã, o fluxo foi aumentando com a chegada das enxurradas das chuvas intensas que caíram durante a noite e parte da madrugada em toda a região.

Moradores de bairros cortados pelo Carnaíba de Dentro estão em estado de alerta devido ao risco de inundações caso volte a chover de forma intensa nas cabeceiras e na cidade. As águas vertidas de Ceraíma começam a correr pelo trecho do rio entre o distrito e Guanambi. Nas primeiras horas da manhã, o nível do rio já estava bem próximo de sair da caixa no bairro Liberdade.

Durante os últimos dias, foi intenso o movimento de pessoas sobre a barragem. O local que tem acesos restrito por conta da exigência de segurança está sendo muito visitado, mesmo com as placas indicando a proibição de entrada. Alguns curiosos se arriscaram pelas paredes do sangradouro pra verem de perto a cheia do lago.

Em abril de 2020, o reservatório também chegou ao seu nível máximo, porém, com o fim do período chuvoso, as águas não desceram rumo ao leito do rio. A ultima lembrança dos guarabirenses do sangramento da barragem é de 1992, quando uma grande cheia atingiu a região e alagou várias áreas de Guanambi.

Poço do Magro, outra barragem localizada em Guanambi, também está muito próxima de chegar à sua capacidade máxima de 37 milhões de metros cúbicos. A primeira e única vez que isso aconteceu foi em 2016.

Chuva Generalizada

A chuva foi generalizada e atingiu toda as regiões de cabeceira do rio Carnaíba e de seus afluentes. O volume de chuvas foi mais do que suficiente para completar o que faltava no reservatório da barragem de Ceraíma. No fim da tarde, eram cerca de 4 centímetros para atingir a cota máxima.

Em Guanambi, começou a chover pouco antes das 10h deste sábado (8) e caiu de forma mais intensa por volta das 23h. A estação meteorológica do Instituto Nacional de Meteorologia registrou temporal de 25 mm no intervalo de apenas uma hora. Nas horas seguintes, até por volta de 3h30, continuou chovendo na cidade. O acumulado de cinco horas interruptas de chuva foi de 36 mm. Durante o dia já havia chovido mais 13 mm.

O volume no período foi bem acima dos previstos pelos institutos de meteorologia, que indicavam para chuvas menos intensas na região. No entanto, boa parte do Centro-Sul da Bahia foi encoberto por uma formação de nuvens denominadas cumulonimbus, de grande desenvolvimento vertical, acompanhadas sempre de descargas elétricas e trovoadas.

Embora as previsões dos institutos fossem de chuvas mais modestas. O Inmet, a Defesa Civil Nacional e a sala de situação do Inema chegaram a emitir alertas nesta tarde para o risco de temporais no Centro-Oeste do Estado, o que acabou se concretizando.

A combinação de um vórtice ciclônico em altos níveis localizado no oceano e a convergência de umidade oriunda da Amazônia proporcionou uma maior convecção de umidade em superfície e favoreceu a formação de uma grande coluna de nuvens, desde as regiões Central e Leste de Minas Gerais, até áreas do Norte da Bahia, posicionadas principalmente na bacia do Rio São Francisco.

As condições climáticas atuais e as previsões continuam favoráveis para mais chuvas. Os acumulados pode ser de pelo menos 40 mm na região pelos próximos cinco dias. A partir do meio desta semana, o tempo deve voltar a ficar firma em Guanambi e municípios vizinhos.

Com a possibilidade de novas chuvas até meados de abril, a barragem de Ceraíma pode voltar a sangrar ainda nesta estação chuvosa.

Tiago Marques
Publicado por
Tiago Marques

Notícias recentes

Barragens de Ceraíma e Poço do Magro continuam sangrando após mais de duas semanas

Deve voltar a chover em boa parte da Bahia nos próximos dias de acordo com…

Mulher foi denunciada após agredir filho de 12 anos em Vitória da Conquista

Uma mãe foi denunciada por maus-tratos após bater em filho de 12 anos em Vitória…

Chesf aciona vazão máxima programada das hidroelétricas de Sobradinho e Xingó no rio São Francisco

A Companhia Hidro Elétrica do São Francisco (Chesf) aumentou pela última vez a vazão difluente…

Famílias atingidas pelas chuvas em Vitória da Conqusita recebem alimentos e roupas entregues pela Patrulha Solidária

A Polícia Militar, por meio da Patrulha Solidária, entregou 400 cestas básicas, 300 frangos e…

Vitória da Conquista vacina crianças de 8 a 11 anos nesta segunda-feira

Nesta segunda-feira (24), a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de Vitória da Conquista inicia a…