Educação

Projeto da Uesb auxilia no uso de novas tecnologias em sala de aula

Publicado por
Tiago Marques
Compartilhado

Criado neste ano, o Projeto “Aprendizagem Móvel” surgiu com o intuito de oportunizar a reflexão sobre as mudanças sociopolíticas e culturais ocorridas no cenário contemporâneo e promovidas pelas Tecnologias da Informação e da Comunicação (TICs), que implicam em novas formas de aprender. A iniciativa é voltada aos estudantes dos cursos de licenciatura do campus de Jequié e professores da Rede Municipal de Ensino da cidade de Itajuru.

De acordo com a instituição, a proposta surgiu quando o município disponibilizou laboratórios móveis para as escolas, porém os professores não tinham formação para trabalhar com os equipamentos, como tablets. Assim, o Projeto desenvolveu um trabalho articulado da educação básica com a Uesb,  coordenado pelas docentes Cássia Brandão e Socorro Cabral do Núcleo de Estudos Paulo Freire (Nepaf).

O “Aprendizagem Móvel” possui uma metodologia interativa, unindo momentos presenciais com rodas de conversa, e oficinas com atividades on-line, desenvolvidas em diferentes ambientes de aprendizagem disponíveis na internet. De acordo com Cabral, as ações estão sendo aplicadas na Escola Municipal Adinalva Miranda. “Essa primeira experiência é piloto. A partir dela, pretendemos ampliar a proposta de trabalho nas demais escolas da Rede Municipal”, conta.

Uso de dispositivos móveis

A docente destaca, ainda, a facilidade de acesso às informações com os dispositivos móveis, as oportunidades de conversação e a liberdade de navegabilidade. “O uso das TICs, na escola, ampliam as possibilidades de colaboração, de partilha e de debate dentro e fora da sala de aula”, define Cabral.

O projeto também conta com a colaboração dos bolsistas de extensão do curso de Pedagogia: Mateus Henrique, Thaissa Bastos, Lara Lorrane e Tiane Jesus da Silva. Segundo a professora, o impacto na formação desses estudantes é um diferencial. “Estar articulado com o chão da escola de Educação Básica, possibilita vivenciar o movimento da cibercultura, que é a cultura contemporânea com o uso das tecnologias”, conclui.

Tiago Marques
Publicado por
Tiago Marques

Notícias recentes

Mulheres de comunidade rural de Pindaí melhoram renda com a produção de hortaliças e frutíferas

As agricultoras da Associação de Mulheres Estrela Dourada, localizada na comunidade do Jacu, zona rural…

Caso suspeito de varíola dos macacos em Caetité foi descartado

Por meio do boletim de Vigilância, Alerta e Resposta ao Evento de Saúde Pública –…

Novos casos da varíola dos macacos foram confirmados em Feira de Santana, Salvador e Xique-Xique

Mais cinco casos da varíola dos macacos (Monkeypox) foram registrados nesta quarta-feira (10) na Bahia. De…

Concurso da Câmara de Camaçari oferta 50 vagas

A Câmara Municipal de Camaçari abriu Concurso Público visando preencher 50 vagas para 14 cargos…

Estado da Bahia repudia demolição de imóvel de Frans Krajcberg em Nova Viçosa

O Governo da Bahia emitiu uma nota de repúdio após a demolição de um imóvel…

Sipolatti, Grupo Big, Jamef e outras empresas estão com vagas de emprego abertas em Vitória da Conquista

Muitas oportunidades de emprego estão abertas em Vitória da Conquista nesta quarta-feira (10). Levantamento da…