Reprodução
Anúncio

A Justiça Eleitoral determinou que ACM Neto (DEM) e Zé Ronaldo (DEM) retirem das redes sociais, em 48 horas, um vídeo em que o prefeito da capital declara apoio ao ex-prefeito de Feira de Santana na disputa pelo governo do Estado.

Caso descumpram a decisão, será cobrada uma multa diária de R$ 1 mil. O vídeo foi feito após uma pesquisa identificar que boa parte do eleitorado não sabia da ligação dos políticos.

O PRTB entrou com a representação, com pedido liminar, solicitando a retirada do vídeo das redes sociais. No documento, assinado pelo advogado Neomar Filho, o partido alega irregularidades. “Observa-se que ao afirmar, ao final do vídeo, que ‘vamos juntos para construir o futuro da Bahia’, está nitidamente configurado o pedido de voto formulado pelo prefeito de Salvador”, diz o documento.

Na decisão, o juiz auxiliar Eduardo Augusto Viana Barreto escreveu, “Saliente-se não tratar-se de mera postagem, mas de peça publicitária de vídeo em que o primeiro afirma que seu partido escolheu o segundo como candidato à postular o cargo de Governador da Bahia, enaltecendo suas qualidades, o que constituí gasto com campanha eleitoral, o qual não será objeto de posterior prestação de contas à Justiça Eleitoral”.

O juiz ressalta que a “exposição do referido vídeo em veículos de comunicação de ampla divulgação possui, a nossa ver, potencialidade para, em curto prazo, promover alteração à regularidade das eleições vindouras”.

Anúncio

Deixe uma resposta