Redação 96FM

Em assembléia realizada na manhã desta sexta (10) os servidores do Instituto Federal Baiano Campus Guanambi decidiram pela adesão à greve nacional da categoria a partir da próxima semana (72 horas após o comunicado a instituição). Foram 67 votos favoráveis, 33 contrários e 05 abstenções. Uma outra assembléia havia sido realizada na última terça (07), mas os servidores decidiram esperar pelo parecer da Direção Nacional do Sindicato dos Servidores da Educação Básica e Profissional (SINASEFE) sobre a reunião realizada no mesmo dia com o Ministério da Educação. Como a proposta apresentada não foi considerada satisfatória, os servidores optaram pela greve.
A assembléia teve a participação de representantes dos alunos que em sua maioria se posicionaram contra o movimento. Devido às sucessivas greves que ocorreram nos últimos anos o calendário acadêmico se encontra com atraso de pelo menos 5 meses. Os alunos se aglomeraram do lado de fora do auditório para protestar contra a greve.

  

Veja a carta aberta à comunidade escolar com a pauta de reivindicações

Responder

Por favor, escreva seu comentário
Digite seu nome aqui