24.3 C
Guanambi
19.9 C
Vitória da Conquista

Após chamar colega de ‘vaca’, deputado mineiro diz se arrepender de ter ‘agredido’ o animal

9,100FãsCurtir
15,413SeguidoresSeguir
261SeguidoresSeguir
823InscritosInscrever
Tiago Marqueshttps://agenciasertao.com/
Tiago Marques é redator e editor do site Agência Sertão. Trabalha com produção de conteúdo noticioso para rádio e internet desde 2015.

Últimas Notícias

Mais Lidas

Advertisement

cabo-julio-vaca-maria-do-rosario

O deputado estadual Cabo Júlio (PMDB/MG) resolveu se pronunciar após a deputada federal Maria do Rosário (PT/RS) anunciar que vai processá-lo por tê-la chamado de vaca no plenário da Assembleia Legislativa de Minas Gerais. Segundo a parlamentar, o mineiro usou uma declaração falsa, que não tinha sido feito por ela, para criticá-la.

Em entrevista à Itatiaia, Júlio não recuou. Ele afirmou que não se arrepende e que xingaria Maria novamente. “Ela tem um histórico de vida parlamentar na defesa dos bandidos, na militância dos direitos humanos. A sociedade brasileira não aceita mais essa postura. Chega! Política de direitos humanos não é só para os manos, é para o cidadão também”, declarou.







- Advertisement -

O deputado ofendeu a colega por uma postagem atribuída a ela no Facebook em defesa de três assaltantes que morreram no dia 5 de novembro ao tentar roubar um policial militar que dirigia um carro do Uber em São Paulo. “Para falar uma bobeira dessa, era melhor essa ‘vaca’ calar a boca”, atacou.

Entretanto, a publicação é falsa está com a data de 4 de novembro, um dia antes da ocorrência. Maria pedirá que a Polícia Federal investigue a situação. “Espero da parte dele [Cabo Júlio] pelo menos a hombridade da retratação”, observou a parlamentar gaúcha.

Mas o mineiro reiterou as críticas. “Falaria um milhão de vezes. Ela que tome as medidas que achar necessário”, enfatizou. “Eu me arrependo do fato de ter agredido as vacas. A minha fala está muito clara em dizer que não é uma questão de gênero”, argumentou, ao rechaçar que teria sido um comentário machista. “É quanto à postura dela sempre se posicionando contra a política, o cidadão de bem, e sempre se posicionando a favor dos bandidos”, explicou.

Confira a reportagem de Edilene Lopes da Rádio Itatiaia

Brasil Após chamar colega de 'vaca', deputado mineiro diz se arrepender de ter...

Deixe uma resposta

Relacionadas