30 C
Guanambi
23.9 C
Vitória da Conquista

Temer tem novo recorde de reprovação e alcança 94%.

Pesquisa feita neste mês, antes do aumento da gasolina, aponta a grande reprovação.

9,100FãsCurtir
15,413SeguidoresSeguir
261SeguidoresSeguir
823InscritosInscrever
Tiago Marqueshttps://agenciasertao.com/
Tiago Marques é redator e editor do site Agência Sertão. Trabalha com produção de conteúdo noticioso para rádio e internet desde 2015.

Últimas Notícias

Mais Lidas

Advertisement

Michel Temer tem amargado índices de reprovação elevados por parte da população. Pesquisa realizada pela Ipsos Public Affairs, ligada a Pulso Brasil, nos primeiros quinze dias de Julho, antes do aumento de impostos dos combustíveis revela que 94% dos entrevistados reprovam a forma como o presidente brasileiro tem conduzido o país.

Segundo o diretor da Ipsos, Danilo Cersosimo, foi identificado “que os efeitos da crise política e da delação premiada de Joesley Batista ainda se mantêm. Esse quadro tende a se manter nos próximos meses com a pauta do aumento de impostos”, pontua.

Não só Temer foi analisado. Mais 33 foram listados entre celebridades e políticos. Os mais populares foram o juiz Sérgio Moro (64%), o apresentador Luciano Hulk (45%), o ex-presidente do Supremo Joaquim Barbosa (44%), o ex-presidente Lula (29%), a presidente do STF, Cármen Lúcia (28%), e o procurador-geral da República, Rodrigo Janot (24%).

Ainda no mesmo levantamento, os que mais amargaram impopularidade foram o próprio Michel Temer (94%); o ex-deputado e preso Eduardo Cunha (PMDB) (93%), o senador investigado Aécio Neves (90%); o senador Renan Calheiros e a ex-presidente Dilma Roussef com 80% e o senador José Serra (75%).

A pesquisa aponta também que, para 95% dos entrevistados, o Brasil está sendo conduzido de forma errada. O nível se manteve em relação feito a um mês. Com margem de erro de 3 pontos percentuais, a pesquisa Ipsos realizou 1.200 entrevistas presenciais em 72 municípios brasileiros.

- Advertisement -

Da redação do Blog com informações de leiamais.ba.

Temer tem novo recorde de reprovação e alcança 94%.

Deixe uma resposta

Relacionadas