IF Acontece

O maior evento de integração tecnológica do mundo desembarcou na Bahia entre os dias 09 de 13 de agosto. A Campus Party Bahia foi sucesso de público, com mais de 80 mil visitantes e 6 mil “campuseiros”, um recorde entre as edições regionais do evento.

Uma comitiva compostas por alunos e professores do curso de Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas do Instituto Federal Baiano – Campus Guanambi participou do evento. Entre os estudantes, três se destacaram ao serem premiados no “Hackathon Desafios Bahia”, iniciativa do Governo da Bahia em parceria com o Instituto Campus Party que visa premiar iniciativas inovadoras no desenvolvimento de soluções tecnológicas.

Dois projetos que tiveram participação dos alunos do IF Baiano – Campus Guanambi conseguiram destaque na competição. O projeto “Vagas Fácil” ficou em segundo lugar na categoria Trabalho, o desenvolvimento teve a participação da aluna Cimara Souza e do aluno Abdias Montalvão. Trata-se de uma aplicação um aplicativo que visa incentivar empregadores a utilizar a plataforma em meio para se conectar aos trabalhadores que estão a procura de emprego, evitando assim a reprovação e dispersão de empegados por conta de incompatibilidade.

Cimara disse que ficou impressionada com a Campus Party e surpresa com a premiação no Hackathon. “O evento foi uma novidade pra mim, não imaginava a dimensão da Campus Party. Fui convidada para assistir a palestra e me interessei em participar do Hackathon. Foram duas fases, a primeira para demostrar a ideia do projeto e a segunda para demostrar o projeto já funcionado. Minha equipe passou a noite toda trabalhando para apresentar uma alternativa que resolvesse o problema da incompatibilidade entre empregado e empregador, felizmente conseguimos e ficamos muito satisfeitos com o resultado” conta a estudante.

(Veja mais informações sobre o projeto Vagas Fácil)

A equipe de Cimara e Abdias foi composta por Davi Peyroton (Desenvolvedor Web/Pixel – ES), Daniel Peixoto (Desenvolvedor Web/Freelancer) e Gabriel Garcia (Analista em Web/JivoChat – ES) – Foto: Arquivo Pessoal

O outro projeto que também alcançou destaque no Hackathon foi o “Move”, desenvolvido pelo estudante Deigon Prates Araújo do IF baiano e pelos alunos da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB) Campus Vitória da Conquista, Caio Menezes Rocha, Gabriel Amaral Sousa, Igor Quatros Silva e João Ribeiro Andreotti. O Move ficou em segundo lugar na categoria mobilidade. “O aplicativo ajuda o usuário a economizar e escolher as melhores rotas para transporte, seja a pé, de bicicleta, moto, carro, ônibus, taxi ou Uber, além de outras empresas que prestam serviço de transporte. O aplicativo também auxilia usuários que apresentam alguma necessidade especial, informando de antemão se o veiculo em que ele vai utilizar possui ou não capacidade de atende-lo. Além disso, os dados fornecidos pelos usuários do aplicativo ajudam os órgãos governamentais com informações que podem ser usadas para gerir melhor o transito”, disse Deigon.

(Veja mais informações sobre o projeto Move)

Comitiva do IF Baiano – Campus Guanambi na Campus Party em Salvador – Foto: Instituto Campus Party

O professor Fábio Lima ficou feliz com a participação dos alunos no evento, sobretudo com a premiação. “Está aqui nesse grande evento que reúne o que de melhor temos em tecnologia já seria muito proveitoso para os estudantes, vê-los participar do Hackathon e ainda obter destaque nos deixa ainda mais felizes”, disse Fábio.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui