Reprodução

 Por Joana Martins

O empresário e fundador da revista Playboy, Hugh Hefner, faleceu anos 91 anos em sua residência em Los Angeles, na Califórnia (EUA). Hefner morreu de causas naturais, disse a Playboy Enterprise, a empresa matriz do império Playboy.

A divulgação do acontecido foi realizada na conta oficial da revista no Twiter. “O ícone americano e fundador da Playboy, Hugh M; Hefner, faleceu hoje. Ele tinha 91 anos”. A mensagem foi acompanhada de uma foto com uma frase do empresário: “A vida é muito curta para viver o sonho de outra pessoa”.

Playboy presta homenagem a Hugh Hefner no Instagram (Foto: Reprodução/Instagram)“Meu pai viveu uma vida excepcional e impactante. Defendeu alguns dos movimentos sociais e culturais mais importantes do nosso tempo, na defesa da liberdade de expressão, dos direitos civis e da liberdade sexual. Ele definiu um estilo de vida”, afirmou em nota seu filho, Cooper Hefner, atualmente chefe de criação do grupo.

Como surgiu a Playboy

A Playboy, famosa pelo “coelho” que a representa, nasceu como um desafio aos conservadores códigos morais que regiam os EUA, naquele momento. Em dezembro de 1953, Hefner fundou a Playboy depois que os diretores da revista “Esquire” negaram um aumento de US$ 5 em seu salário.

Na primeira edição, produzida na cozinha da casa dele e com investimentos de US$ 8 mil, teve a protagonista Marilyn Monroe, com uma foto de capa, na qual apareceu vestida, mas completamente nua em uma cama de veludo vermelho nas páginas interiores. Com vendas estimadas em mais de 50 mil cópias, só na primeira edição.

Além de estampar fotos de mulheres nuas, o veículo se caracterizou como espaço para apresentação de reportagens com abordagem abertas sobre assuntos considerados tabus por outros magazines ou jornais. A revista acolheu textos de escritores renomados como Ray Bradbury, Ian fleming, Margaret Atwood, entre outros.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui