Reprodução

O Governo da Bahia, por meio da Secretaria de Infraestrutura (Seinfra), publicou no Diário Oficial do Estado o aviso de concorrência para a recuperação asfáltica da pista do Aeroporto de Guanambi. A abertura das propostas acontecerá no dia 10 de julho, serão investidos em torno de R$ 5 milhões.

A Azul Linhas Aéreas pretende operar uma linha de voo comercial na cidade, com Belo Horizonte e Salvador como destinos. O desejo da empresa é antigo, mas esbarra em restrições de pouso e decolagem impostas pelos órgãos reguladores da aviação.

O boletim Notan continua com restrições permanentes a pousos e decolagens no aeroporto de Guanambi. Apenas aeronaves de pequeno porte, que necessitam de no máximo 800 metros de pista, estão autorizadas a pousar e decolar no local. O problema já é conhecido, os morros do entorno da pista são considerados obstáculos para aviões maiores.

Colabore

Se você gosta do conteúdo da Agência Sertão, colabore para o aprimoramento do nosso Jornalismo a partir de R$ 10 por mês e ganhe recompensas exclusivas, saiba mais!

A Agência Sertão tentou contato com a Secretaria de Infraestrutura, no entanto foi decretado ponto facultativo no órgão e os responsáveis não foram encontrados para comentarem sobre as restrições.

um comentários

Deixe uma resposta