Anúncio

Nos dias 20, 22 e 24 de novembro, o Instituto Federal Baiano – Campus Guanambi realiza uma série de atividades para celebrar a Semana da Consciência Negra. O evento está sendo promovido pelo Núcleo de Estudos Afro-Brasileiros e Indígenas (Neabi) e contará com a participação dos estudantes e da comunidade.

A abertura acontece no dia 20, às 8h, no auditório do Campus, com uma mesa redonda com o professor da Universidade do Estado da Bahia (Uneb) Josivaldo de Oliveira, doutor em Estudos Étnicos e Africanos pela Universidade Federal da Bahia (Ufba), e com a professora da Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes) Ângela Borges, doutra em Ciência da Religião pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (Puc-SP). Eles abordarão os temas, – Capoeira, Identidade e Gênero e Desafios da Religiosidade Afro-brasileira. Na programação de abertura também estão incluídas atividades de música e dança. A programação se estende pela tarde com mais palestras, debates e apresentações culturais. Além dos professor Josivaldo e da Professora Ângela, participa também a professora Miléia Almeida, mestre em História Social pela Universidade Estadual de Feira de Santana.

A noite, a partir das 19h30, acontece a exibição do filme Besouro, e logo após ocorre um debate sobre a história retratada no longa metragem. Besouro era o sobrenome do reconhecido capoeirista Manuel Henrique Pereira. O filme conta a história de vida deste homem que se transformou num dos grandes mestres da capoeira, disciplina criada por escravos africanos que eram proibidos de utilizar armas. Na quinta-feira (22), a programação também inclui cinema, às 12h30 haverá a exibição do filme Pantera Negra. O roteiro retrata a história do primeiro super-herói negro dos estúdios Disney.

A programação volta no sábado (24), com atividades durante toda a manhã. Serão realizadas oficinas de turbante, dread, tranças, capoeira, produção de acarajé e abará e pintura em telhas e camisas. Também haverá apresentação de grafite e música, além de exposição de culinária e artesanato das mulheres do Quilombo dos Anjos, município de Candiba.

Para a professora Samylle Bomfim, coordenadora do Neabi, o evento visa fortalecer a cultura afro-brasileira e reforçar sobre a importância do fortalecimento da identidade da população negra. “O objetivo do Neabi com esse evento é promover ações que se fundem nos princípios da igualdade, respeito e proteção dos direitos desses grupos étnicos, tornando efetivo o combate a atos discriminatórios como o racismo. Além disso, a I Semana da Consciência Negra visa propiciar o conhecimento da história e cultura afro-brasileiras e contribuir no processo de auto-identificação e valorização da cultura e identidade”, disse.

As inscrições podem ser realizadas através do link.

PROGRAMAÇÃO

TERÇA-FEIRA – 20/11

Manhã


8h – Abertura
08h30 – Apresentação 2AB / 2BA/ 2CA (poesia)
08h45 – Apresentação 2AB (dança)
09h – Mesa redonda – Josivaldo de Oliveira (Uneb) – Capoeira, identidade e gênero: ponderações historiográficas  /  Ângela Borges (Unimontes) – Ser mulher de Benguela é ser mulher resistência: desafios da religiosidade afro-brasileira
11h – Apresentação 2AB e 2BA  (música)


Tarde


13h30 – Apresentação 2AII (musical)
14h00 – Mesa redonda – Miléia Almeida- Mulheres pretas e pardas no Alto Sertão da Bahia: entre o silêncio da cor e o estigma da mestiçagem no pós-abolição / Josivaldo de Oliveira- Culturas negras na diáspora: “urucungo de cassange”: o arco musical como metáfora da cultura afro-brasileira / Ângela Borges –  Ser mulher de Benguela é ser mulher resistência: desafios da religiosidade afro-brasileira.
16h – Apresentação dos alunos 2CA (música e dança) e 2BA (dança)


Noite


17h30 – Exibição do filme BESOURO
21h –  Debate


QUINTA-FEIRA – 22/11

Tarde


12h30 – Exibição do Filme Pantera Negra


SÁBADO – 24/11

Manhã


7h45 – 9h – 10h – Oficinas (Três grupos)
Se é pra tombar, tombei! – oficina de turbante
Jogue as suas tranças de mel – oficina de trança nagô
Dreadlocks dreadloucos – oficina de dread
Entra na roda e ginga – oficina de capoeira
Vestindo-se de negritude– oficina de pintura em camisa
Pintando o 7 – oficina de pintura em telha
IF master chef – oficina de produção de acarajé e abará

10h15 – Exibição Grafite – Movimento organizado de hip hop Guanambi
Exposição de Artesanato – Quilombo dos anjos – Candiba
Exposição de Culinária – 2BA
Apresentação musical – Yalu Martins e Carlos Nássaro

11h15 – Sorteio os brindes


 

Anúncio

Deixe uma resposta