Reprodução
Anúncio

A Prefeitura de Malhada decretou situação de emergência por causa das regiões da zona rural atingidas pelas fortes chuvas que caíram nos últimos dias. O município registrou 102 mm em 4 horas.

De acordo com informação da assessoria da Prefeitura, estradas na zona rural estão interditadas. Conforme o coordenador da Defasa Civil de Malhada, José Castor Castro de Abreu, disse que um relatório técnico descrevendo os impactos e risco gerado pelas chuvas será concluído.

O prefeito Valdemar Lacerda Silva Filho (Dezin), informou que enviou ofício ao Secretário Estadual de Defesa Civil para cadastrar o município em processo de reconhecimento estadual. Segundo o Portal Folha do Vale, com a medida, a administração municipal poderá obter recursos financeiros federais para recuperar os prejuízos causados pelas chuvas e atender as famílias direta e indiretamente atingidas.

Anúncio

Deixe uma resposta