Reprodução

Um homem que prestava serviços de advocacia sem ter registro profissional foi preso em flagrante na última sexta (5), em Vitória da Conquista, após ser denunciado anonimamente à seccional baiana da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-BA).

O homem, que não teve a identidade revelada, foi localizado quando fazia atendimento jurídico em uma residência. No momento do flagrante, ele confessou não ser advogado e alegou que fazia apenas “consultoria jurídica”.

Segundo o Metro 1, o acusado foi preso pela Polícia Militar (PM) e encaminhado para o Distrito Integrado de Segurança Pública (DISEP) de Conquista. A ação teve a participação da Comissão de Fiscalização Profissional, de Defesa das Prerrogativas e Ética e Disciplina da OAB-BA. Não há informações sobre se o homem permanece detido.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui