A Prefeitura de Guanambi notificou a empresa Bahia Terra Indústria e Comércio de Pré-moldados de Concreto Ltda – ME por atrasos e baixa qualidade dos serviços na obra de construção da Praça Armino Paes, no distrito de Morrinhos.

A notificação publicada no Diário Oficial do Município da última quinta-feira foi realizada após uma inspeção na obra realizada pela equipe de engenharia da prefeitura. A Bahia Terra tem até a próxima quinta-feira (19) para apresentar defesa aos questionamentos da prefeitura.

No dia 30 de agosto, a prefeitura notificou a empresa pela primeira vez pelo atraso e paralisação das obras. Na ocasião, a empresa também foi notificada pelo mesmo motivo na construção da Casa do Andarilho.

Na inspeção realizada na última semana, o engenheiro da prefeitura encontrou apenas dois trabalhadores na obra. Segundo a notificação, eles não usavam os equipamentos de proteção individual (EPI´s) exigidos pela normas trabalhistas. Não foi encontrado nenhum encarregado ou representante local da obra no local.

Além disso, foi constata a retirada dos tapumes de madeira que protegem a obra. Segundo o contrato, o material só poderia ser retirado após o fim da obra.

Fundações de quiosques não foram executadas conforme exigido (foto: Diário Oficial de Guanambi)

O passeio existente no local também não foi substituído, conforme exige a planilha de construção. Outra irregularidade foi encontrada na construção dos quiosques, segundo o relatório, as fundações não foram executadas conforme o projeto e podem apresentar problemas estruturais no futuro.

Somente este ano, foram empenhados recursos na ordem de R$ 1.062,867,32 à Bahia Terra. Além da praça em Morrinhos e da Casa do Andarilho, a empresa foi responsável pela construção da Praça no bairro Ipiranga, conclusão das quadras poliesportivas da comunidade de Poções e do bairro Paraíso, reforma da quadra do bairro Monte Pascoal, vestiários da quadra do bairro Ipiranga, Reforma de 40 boxes do mercado municipal.

Do total empenhado este ano, a empresa recebeu R$ 373.696,96 pelas medições executadas nas obras. Algumas delas seguem com atraso na execução dos serviços.

A obra da praça em Morrinhos foi licitada por R$ 409.586,48. A Bahia Terra recebeu até o momento o valor de R$ 164.007,00 pelos serviços que executou.

A empresa também está responsável por executar os serviços de pavimentação utilizando paralelepípedos de ruas da sede e dos distritos. A ordem de serviço assinada no dia 27 de agosto prevê investimentos de R$ 651.405,00.

A agência Sertão entrou em contato com a Bahia Terra Indústria e Comércio de Pré-moldados de Concreto Ltda – ME, pelo número de celular disponibilizado no contrato assinado com a Prefeitura, no entanto, a empresa não atendeu as ligações.