Reprodução / Redes Sociais

O Diretório Municipal do Partido dos Trabalhadores (PT) de Guanambi elegeu neste domingo (22) sua nova presidente. Em um disputa apertada, Marivalda dos Santos, a Valda Agente Comunitária de Saúde (ACS), venceu Dori Lobo, ex-presidente municipal da legenda, pela diferença de apenas quatro votos.

Valda Recebeu 86 votos contra 82 de Dori Lobo. Houve ainda um voto em branco e dois votos nulos. A eleição foi realizada durante todo o dia, na sede do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Guanambi, no bairro Vila Nova.

A eleição que confirmou Valda como presidente do PT municipal aconteceu em dois turnos. No primeiro, realizado no há duas semanas, Valda ficou em primeiro lugar com 53 votos, Dori em segundo com 52 e Gilmar em terceiro com 16. Como nenhum candidato atingiu maioria simples, a eleição foi para o segundo turno.

Valda chega ao comando do PT em Guanambi dois meses após se tornar filiada do partido. Na ocasião de sua filiação, lideranças formalizaram o apoio à proposta de sua candidatura à prefeitura em 2020.

Valda ficou mais conhecida no cenário político nas eleições do ano passado, ao conquistar mais de 23 mil votos e a segunda suplência de sua coligação para o cargo de deputada estadual.

Se você gosta do conteúdo da Agência Sertão, colabore para o aprimoramento do nosso Jornalismo a partir de R$ 10 por mês e seja um assinante - Saiba como!

 

Ela recebeu votos em 337 dos 417 municípios baianos. Em Guanambi ela foi escolhida por 834 eleitores. Apesar da votação expressiva, a campanha foi humilde, segundo a prestação de contas enviada ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), pouco mais de R$ 70 mil.

Trajetória

Sua trajetória na política está ligada às pautas dos agentes comunitários de saúde e foi desta classe que vieram a maioria dos votos. Ela concorreu pelo Partido Pátria Livre (PPL), em uma coligação que elegeu três deputados.

Funcionária da prefeitura de Guanambi, Valda dedicou parte seu trabalho em organizar a classe, militando desde 1995 em entidades sindicais. Foi presidente da Federação Baiana dos ACS e ACE. Atualmente, é Vice-Presidente da CONASC – Confederação Nacional dos Agentes Comunitários de Saúde e Endemias.

Segundo publicado pelo Blog do Latinha, sua militância política foi iniciada aos 14 anos, no movimento comunitário e de organização da Associação dos Moradores do Bairro BNH. Ela também participou voluntariamente como Diretora da Creche Filantrópica do BNH.

Responder

Por favor, escreva seu comentário
Digite seu nome aqui