Um incêndio atingiu um complexo de galpões de escolas de samba na cidade de São Paulo nesta segunda-feira (14). Foram usados 18 carros do Corpo de Bombeiros da Polícia Militar de São Paulo para o atendimento. Segundo a corporação, não houve vítimas.

De acordo com a Liga Independente de Escolas de Samba de São Paulo (LigaSP), o incêndio começou ainda à tarde, pelo galpão da escola de samba Independente Tricolor e se espalhou pelos outros barracões.

Os galpões incendiados ficam na Avenida Otto Baumgarten, no bairro Vila Guilherme, na Zona Norte de São Paulo. O local é conhecido como “Fábrica do Samba 2”, abrigo de agremiações do grupo de acesso do carnaval paulista.

Os bombeiros tiveram o apoio de outros órgãos como a Companhia de Engenharia de Trânsito (CET) e a Defesa Civil. Por volta das 21h, 12 viaturas ainda estavam no local para atuar no rescaldo do fogo.

A Liga SP divulgou nota na qual lamenta o ocorrido e diz que os prejuízos ainda terão de ser mensurados quando o incêndio for totalmente encerrado. “O tamanho do estrago causado pelas chamas só poderá ser medido quando os bombeiros terminarem seu trabalho”, afirmou a associação, que representa 34 escolas de samba no estado.

Se você gosta do conteúdo da Agência Sertão, colabore para o aprimoramento do nosso Jornalismo a partir de R$ 10 por mês e seja um assinante - Saiba como!

 

Edição: Aline Leal

Responder

Por favor, escreva seu comentário
Digite seu nome aqui