25 C
Guanambi
18.3 C
Vitória da Conquista

Ex-ministro José Dirceu virá a Guanambi para divulgar seu livro

9,096FãsCurtir
15,413SeguidoresSeguir
261SeguidoresSeguir
823InscritosInscrever
Tiago Marqueshttps://agenciasertao.com/
Tiago Marques é redator e editor do site Agência Sertão. Trabalha com produção de conteúdo noticioso para rádio e internet desde 2015.

Últimas Notícias

Mais Lidas

Advertisement

No próximo dia 16, o ex-ministro José Dirceu estará em Guanambi para divulgar o seu livro, “Zé Dirceu – Memorias – Volume I”.

Inicialmente, o evento foi marcado para acontecer às 19h, no auditório da Universidade Estadual da Bahia (Uneb), no entanto, a organização avalia mudar o local.

O petista fará ainda uma palestra e concederá autógrafos nos livros.

A obra autobiográfica foi lançada em 2018 e segundo o autor conta sua história de atuação política desde a década de 60. O primeiro volume, escrito durante o período em que ficou preso, fala de sua trajetória até o período em que estourou o escândalo conhecido como Mensalão, ocorrido durante o primeiro mandato do ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva.

Pela primeira vez ele revela segredos dos bastidores da luta política dentro do PT e do próprio governo, onde foi chefe da Casa Civil e provável sucessor de Lula, até ser abatido pelas denúncias do chamado “Mensalão”

Trecho da descrição do livro em sites de vendas

- Advertisement -

Zé Dirceu teve vida política intensa no período do Regime Militar Brasileiro. Ele foi preso e exilado neste período e chegou até a fazer uma cirurgia plástica para mudar a aparência de seu rosto para não ser reconhecido.

Na história recente, foi deputado estadual e federal por São Paulo, e ministro-chefe da Casa Civil do Brasil nos governos Lula e Dilma Rousseff.

Exercendo cargos públicos, Dirceu foi acusado de tráfico de influência, enriquecimento ilícito e diversos crimes praticados nos Governos Lula e Dilma no período de 2003 a 2016, tendo sido condenado pelos crimes relativos ao chamado escândalo do mensalão que o levaram à prisão pela primeira durante o período democrático

Ele também foi condenado por crimes cometidos durante as diversas fases da Operação Lava-Jato, com penas que somadas passam dos 31 anos de prisão. Neste período, Dirceu chegou a ser preso por ordem do ex-juiz Sérgio Moro.

O político foi preso pela quarta vez em 17 de Maio de 2019 para cumprir pena na sua segunda condenação. Ele deixou a prisão no dia 8 de novembro após decisão do Supremo Tribunal Federal sobre cumprimento de prisão após condenação em segunda instância.

Zé Dirceu – Memórias – Volume I

Muitos escreveram sobre José Dirceu, com mais erros do que acertos. Com tempo, na prisão, ele mesmo escreveu a fascinante história de sua vida. Os bastidores inéditos de sua militância estudantil nos anos 1960, o exílio e o treinamento para ser guerrilheiro em Cuba, a cirurgia plástica que mudou seu rosto, a vida clandestina no Brasil nos anos 1970, a volta à legalidade com a anistia, em 1979, e sua ascensão no Partido dos Trabalhadores, onde se tornou presidente e maior responsável pela eleição de Lula à presidência da República.

Pela primeira vez ele revela segredos dos bastidores da luta política dentro do PT e do próprio governo, onde foi chefe da Casa Civil e provável sucessor de Lula, até ser abatido pelas denúncias do chamado “Mensalão”. No primeiro volume de suas “Memórias” – outro virá, com novas revelações – ele expõe o que jamais foi dito sobre sua vida e sobre os principais líderes da política brasileira nos últimos 50 anos.

Um livro imprescindível para se entender como foi a luta contra a ditadura miliar, a redemocratização, a derrubada do presidente Fernando Collor, a oposição aos governos de Fernando Henrique Cardoso, a eleição de Lula e Dilma e o atual momento político do país. (trecho disponível nos sites de venda)

Destaques Ex-ministro José Dirceu virá a Guanambi para divulgar seu livro

Deixe uma resposta

Relacionadas