Reprodução

A Secretaria de Saúde de Guanambi publicou os relatórios de ações realizadas em 2019. De acordo com os dados, foram 511 cães capturados em vias públicas, pelo Centro de Controle de Natalidade Canina de Guanambi.

Os animais recolhidos passaram por triagem para diagnóstico de Leishmaniose, foram vermifugados e castrados, neste caso, os que não foram sorológicos positivos de Leishmaniose.

No total foram realizados os exame de teste rápido para Leishmaniose em 476 cães, dos quais 116 tiveram resultados Sorológicos Positivos. Os diagnosticados com à doença foram submetidos a eutanásia, conforme os transmites legais.

Segundo a secretaria, os que foram diagnosticados como não portadores da leishmaniose, foram castrados. Totalizando 166 machos e 192 fêmeas. Após a castração, 334 animais foram liberados em seu habitat natural e 41 cães foram doados com termo de responsabilidade dos tutores.

CCNC o que é?

O CCNC foi inaugurado no dia 21 de setembro de 2018 e custou R$ 150 mil aos cofres do município, na reforma completa do local, aquisição de mobiliários e equipamentos. O Centro tem a capacidade estimada para castração de 50 animais por mês, totalizando 600 ao ano.

O CCNC está localizado na Rodovia BR-030, saída para Palmas de Monte Alto, ao lado da antiga Marchantaria e atende de segunda a sexta-feira, das 7h às 17h.

Responder

Por favor, escreva seu comentário
Digite seu nome aqui