Foto: Ascom PMG

Foi publicado na edição do último sábado (29), o extrato do convênio celebrado entre a prefeitura e Guanambi e o Corpo de Bombeiros Militar da Bahia. Este convênio prevê a instalação de um subgrupamento da corporação para atender a região. O convênio foi assinado no dia 15 do último mês.

O convênio prevê apoio recíproco à prestação dos serviços na área de Segurança Contra Incêndio e Pânico, com vistas à prevenção e combate a incêndios e a situações de pânico, bem como busca, resgate e salvamento de pessoas e bens a cargo do Corpo de Bombeiros Militar da Bahia, visando à preservação da vida e do patrimônio em geral e a garantia da defesa civil, dentro do esforço da Administração Pública Estadual de interiorização dos serviços de bombeiro militar.

Segundo a Assessoria de Comunicação da Prefeitura, ainda não há definição do local de funcionamento do subgrupamento. O órgão ainda procura por um lugar que atenda às exigências do Corpo de Bombeiros para instalação provisória até que se construa a sede própria, orçada em mais de R$ 1 milhão.

O município de Brumado também assinou convênio com a corporação em setembro do ano passado com a mesma finalidade. Por lá, a prefeitura preferiu construir imediatamente a sede própria ao invés de alugar imóvel. Por esta razão, aguarda a conclusão das obras.

Após a efetivação da instalação do Subgrupamento, a Prefeitura irá contribuir para o abastecimento e manutenção das viaturas, disponibilizar servidores para apoio administrativo da unidade e cooperar na manutenção das condições de limpeza e conservação.

Já a corporação ficar encarregada de fornecer o pessoal e os equipamentos necessários para as ações de combate a incêndio, resgate e salvamento. Além de oferecer formação de Brigadista anualmente para servidores da prefeitura e promover e apoiar ações educativas.

O Subgrupamento contará com 20 bombeiros trabalhando em turnos de 24h por 72h, além de um auxiliar administrativo e um comandante que pode ser um sargento ou tenente. Sendo dotados de três veículos – um caminhão ABT, um veículo alto/rápido caminhonete e uma ambulância furgão.

O Corpo de Bombeiros poderá celebrar convênios com outros municípios da Região para obter mais recursos para atender as demandas da região. Além disso, os recursos provenientes da Taxa de Extinção de Incêndio são direcionadas para aparelhar e modernizar a Unidade Operacional.

A instalação do Subgrupamento na cidade permite a cobrança anual da taxa a estabelecimentos comerciais e industriais pela utilização potencial do serviço de extinção de incêndios disponibilizados à população.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui