Reprodução

O município de Vitória da Conquista chegou à marca de 2.111 casos de coronavírus. As informações foram divulgadas no boletim epidemiológico desta sexta-feira (24), quando 161 novos foram confirmados.

Deste total, 1.566 pacientes já são considerados recuperados e 503 seguem em recuperação (29 internados e 474 em tratamento domiciliar) e 42 óbitos de pessoas residentes do município, 15 somente esta semana. Segundo atualização mais recente, 82% dos leitos de UTI estão ocupados no momento.

Após investigação, 7.803 casos notificados pela Secretaria de Saúde foram descartados para Covid-19 (2.617 por exame RT-PCR e 5.186 por Teste Rápido). Outros 3.923 casos de Síndrome Gripal ainda estão sendo investigados, dos quais: 3.603 possuem critérios de coleta para exame laboratorial ou Teste Rápido* e 320 aguardam resultado laboratorial de exame RT-PCR.

Dos casos em investigação, 1.090 apresentam Síndrome Gripal leve e permanecem em tratamento domiciliar, 2.818 recuperaram-se da Síndrome Gripal e 14 estão hospitalizados. Além disso, a Secretaria aguarda resultado laboratorial de um paciente que foi a óbito por suspeita de contaminação por Covid-19.

Ocupação de Leitos

Dos 60 leitos de UTI disponíveis para tratamento da Covid-19, 49 encontram-se ocupados. Do total de internados, 29 precisam do uso do respirador mecânico para manutenção dos sinais vitais. São 15 pacientes de Vitória da Conquista e o restante de outros municípios.

No Hospital Geral de Vitória da Conquista (HGVC), dos 30 leitos disponíveis, 24 estão ocupados (80%). No Hospital das Clínicas são 15 pacientes do total de 20 (75%). Já no Hospital São Vicente de Paulo todos os 10 leitos estão ocupados.

Fonte: Sesab

Dos 75 leitos de enfermaria disponíveis na cidade para o tratamento da Covid-19, 28 estão ocupados, taxa de 51%.

Além dos pacientes de Vitória da Conquista, há internados de Jânio Quadros; Ibicuí; Jequié; Firmino Alves; Ubatã; Maetinga; Itapetinga; Cândido Sales; Carinhanha; Mirante; Itarantim; Ibirapitanga; Poções; Mararani; Caetité; Anagé; Cocos; Jaguaquara; Eunápolis; Itabela; Wenceslau Guimarães; Iguaí; Malhada de Pedras; Planalto; Nova Canaã; Barreiras; Tanque Novo; Coribe e Itambé.

Clique para conferir o Boletim epidemiológico completo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui