FIlhote de Shih tzu
Divulgação / PRF

A Policia Rodoviária Federal (PRF) resgatou 66 filhotes de cachorro da raça shih-tzu, transportados em condições irregulares, aglomerados dentro de um veículo abordado pelos agentes na BR-242, região de Tanquinho de Lençóis, próximo ao município de Itaberaba (BA).

Segundo a PRF, a abordagem ocorreu após uma denúncia de que um homem havia descartado três filhote às margens da rodovia. A equipe saiu em busca do veículo, um GM/Prisma, localizado no KM 250 da BR-242.

No veículo, conduzido por um homem de 56 anos, foram encontraram 63 filhotes de cachorro da raça Shih Tzu, amontoados em 13 caixas plásticas e uma de papelão. As caixas com os filhotes estavam distribuídas no banco dianteiro, banco traseiro e porta-malas do veículos. Eles estavam debilitados, aparentando desidratação e fraqueza.

Filhotes de Shih tzu
Alguns dos filhotes de shih tzu estavam bastante debilitados / Foto: PRF

O condutor confirmou que havia descartado três animais no percurso, e apresentou algumas cadernetas de vacinação, alegando serem dos animais que transportava. Ainda, entregou aos policiais uma cópia de um “Atestado Sanitário para o Trânsito de Cães e Gatos”, mas não soube informar onde se encontrava o documento original.

Ainda, no suposto atestado apresentado, não havia informações claras e não constava a quantidade de animais que seriam transportados, nem havia qualquer vinculação direta com cães encontrados no veículo. Ele informou que vinha com os animais desde Goiânia(GO) e comercializaria em Petshops em Salvador (BA), Recife e Petrolina (PE).

Diante da situação degradante em que se encontravam os animais, os agentes enquadraram o responsável pelo transporte no crime de maus tratos de animal doméstico, previsto na Lei Ambiental.

Em desfavor do homem, foi lavrado Termo Circunstanciado de Ocorrência, e os animais foram encaminhados para o órgão ambiental competente para cuidados e demais providências cabíveis.

Veja a situação de transporte encontrada pela PRF dos filhotes de shih tzu

Com informações da Agência PRF

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui