Policial

Suspeitos de ataque a bancos de Correntina foram mortos em confrontos com a polícia em Serra do Ramalho e Maracás

Publicado por
Tiago Marques
Compartilhado

Quatro suspeitos de serem integrantes de uma organização criminosa responsável pelo ataque a agências bancárias do município de Correntina, no Oeste Baiano, foram mortos na manhã desta terça-feira (11), durante diligências da operação “Aerárium”, deflagrada em conjunto de forças de segurança nos municípios de Serra do Ramalho e Maracás.

As ações contaram com participação de policiais do Cipe Cerrado, 19º Batalhão da Polícia Militar (BPM/Jequié), Rondas Especiais (Rondesp) Sudoeste, das 34ª, 38ª, 77ª, 92ª e 93ª Companhias Independentes da Polícia Militar (CIPMs/Brumado, Bom Jesus da Lapa, Vitória da Conquista e Maracás), além de equipes das Polícias Civil, Federal e Rodoviária Federal.

Em Serra do Ramalho, policiais da Cipe Sudoeste e da 38ª CIPM chegaram a dois homens que estavam escondidos em uma casa na Agrovila 9, na Zona Rural do Município. Segundo a Secretaria Pública da Bahia (SSP-BA), os PMs iniciaram o patrulhamento e chegaram à dupla, que tentou fugir e reagiu.

De acordo com o relato dos policiais, os suspeitos atiraram contra a viatura, provocando a reação dos agentes, que revidaram a acabaram matando o suspeito. “Eles atiraram contra a nossa equipe e, após os disparos notamos que estavam feridos. Rapidamente o socorremos para o Hospital Municipal de Serra do Ramalho, mas não resistiram”, contou o comandante da Cipe Cerrado, major Giovanni Castro Damasceno.

Ainda de acordo com a polícia, os homens estava em posse de um revólver calibre 38 e uma pistola de calibre 380. As armas foram encaminhadas para o Distrito Integrado de Segurança Pública (Disep) de Bom Jesus da Lapa, onde, segundo o titular da 24ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin/Bom Jesus da Lapa), delegado Jakson Luis Trindade Neves, serão periciadas e farão parte das investigações.

A outra ação que também terminou com a morte de dois suspeitos alcançou outros dois integrantes da quadrilha em Maracás. De acordo com as informações repassadas à imprensa, a dupla também atirou contra os policiais antes de serem mortos. Junto a eles, foram encontrados cerca de R$ 236 mil e duas pistolas. As armas foram encaminhados ao Departamento de Repressão e Combate ao Crime Organizado (Dracco) de Vitória da Conquista e farão parte das investigações.

Por fim, a SSP-BA confirmou que o quarteto integra quadrilha responsável por assaltar três agências bancárias na cidade de Correntina, na madrugada da ultima sexta-feira (7), com utilização de explosivos e armamento de grosso calibre. O policiamento segue reforçado para identificar outros integrantes do grupo e denúncias podem ser enviadas ao 190 ou no Disque Denúncia da SSP (71 3235-0000 ou 181).

Esta postagem foi modificada pela última vez em 12 de maio de 2021 02:14

Tiago Marques
Publicado por
Tiago Marques

Notícias recentes

Ambulância ficou parcialmente destruída após colidir com cavalo em Brumado

Uma ambulância ficou parcialmente destruída após bater em um cavalo na madrugada desta sexta-feira (21),…

Homem sofreu tentativa de homicídio no bairro Aeroporto Velho em Guanambi

Um homem de 33 anos foi atingido com dois tiros na avenida Castelo Branco, em…

Enem 2022 será aplicado nos dias 13 e 20 de novembro

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) confirmou em portaria publicada…

Policlínica de Brumado realiza processo seletivo com 11 vagas para médicos

A Secretaria de Saúde do Estado (SESAB) abriu processo seletivo para a contratação de profissionais…

Vitória da Conquista fará sua estreia em casa neste sábado pelo Campeonato Baiano

O ECPP Vitória da Conquista vai voltar a campo neste sábado (22) pelo Campeonato Baiano…

Amostra de variante da Omicrôn detectada em Vitória de Conquista foi coletada de bombeiro carioca

Após a Secretaria de Saúde do Estado (Sesab) divulgou um caso de variante Ômicron em…