33.7 C
Guanambi
27.9 C
Vitória da Conquista

Consumidores de baixa renda podem ter até 65% de desconto na conta de luz, diz Coelba

- Advertisement -

Últimas Notícias

Tiago Marqueshttps://agenciasertao.com/
Tiago Marques é redator e editor do site Agência Sertão. Trabalha com produção de conteúdo noticioso para rádio e internet desde 2015.
- Advertisement -




Mais de duzentos foram incluídos no benefício da Tarifa Social de Energia Elétrica (TSEE) e sessenta mil baianos Desde o início da pandemia. Segundo a Coelba, houve um incremento de 19% da base de clientes em um ano e três meses. Isso coloca a empresa entre uma das distribuidoras do país que mais tem cadastrado clientes no benefício, que concede desconto de até 65% na conta de luz aos consumidores classificados com baixa renda.

A companhia passou a realizar o cadastro de forma proativa, por meio da consulta ao Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico). Assim que o sistema do CadÚNico é atualizado, a cada mês, a Coelba passa esse banco de dados para o seu sistema e aplica o desconto previsto para cada beneficiário. Só nos últimos seis meses mais de 30 mil clientes receberam o desconto por essa modalidade de inclusão.

“A inserção automática, realizada pela Coelba cruza as informações dos contratos com os dados do CadÚnico, disponibilizados periodicamente pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). Em aproximadamente um ano, conseguimos aumentar a nossa base de clientes cadastrados na Tarifa Social em cerca de 19%, comenta a superintendente de Relacionamento com Cliente da Coelba, Cynira Alana.

Na maioria dos casos, os inscritos tiveram o seu direito garantido sem sequer procurar a empresa. “Isso demonstra o compromisso da Coelba com a população, ainda mais em um período econômico agravado pela pandemia”, afirma a superintendente.

Além do cadastro proativo, as solicitações de cadastro na Tarifa Social podem ser feitas pelos próprios clientes, em plataformas como o site da Coelba e o WhatsApp. A possibilidade de pedir a inclusão no benefício através do aplicativo de mensagens foi oferecida para facilitar o contato com esses clientes e acelerar a concessão do desconto na conta de energia.

Se o CPF que aparece na conta de energia não for o mesmo que o do representante da família no cadastro do Governo Federal, é necessário solicitar a inclusão na Tarifa Social para ter acesso ao programa, o que pode ser feito pelos canais digitais da Coelba.

Quem tem direito à tarifa social de energia?

Toda Unidade Consumidora Residencial com família inscrita no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal. É necessário possuir o Número de Identificação Social – NIS, e ter renda familiar mensal por pessoa menor ou igual a meio Salário-Mínimo Nacional, independentemente de possuir ou não o benefício do Bolsa Família.

Qual a documentação necessária para o cadastro da tarifa social?

As informações sobre documentação para Cadastro de Tarifa Social estão disponíveis no site www.coelba.com.br.

Cadastro pelo WhatsApp

Clientes da Coelba que não foram inscritos ainda na Tarifa Social têm a facilidade de solicitar a inscrição pelo WhatsApp da concessionária: (71) 33370-6350. Para isso, basta informar o número da conta contrato da Coelba e o NIS. Se o beneficiário não for o titular da conta contrato, deverão ser enviadas também pelo aplicativo fotos do CPF e do RG do portador do NIS. Os dados serão confirmados no banco de dados do Governo Federal e, depois, o prazo para o credenciamento no programa é de cinco dias úteis.




- Advertisement -
- Advertisement -

Relacionadas

Deixe uma resposta

- Advertisement -

Mais Lidas

- Advertisement -