24.1 C
Guanambi
19.3 C
Vitória da Conquista

Comunidade do IF Baiano se posicionou contrária ao reordenamento dos Institutos Federais na Bahia

- Advertisement -

Últimas Notícias

Tiago Marqueshttps://agenciasertao.com/
Tiago Marques é redator e editor do site Agência Sertão. Trabalha com produção de conteúdo noticioso para rádio e internet desde 2015.
- Advertisement -

O reitor do IF Baiano, Aécio José Araújo Passos Duarte, esteve na Setec/MEC, em Brasília nesta sexta-feira (17) para entregar o posicionamento da comunidade do IF Baiano sobre a proposta de reordenamento dos Institutos Federais na Bahia.

O documento foi elaborado depois de consulta, por mais de 10 dias, aos diferentes segmentos da comunidade acadêmica. A maior parte dos estudantes e servidores que responderam a pesquisa se manifestaram contrários à medida.

O IF Baiano, juntamente com outros 10 institutos federais, foi chamado pelo ministro da Educação para uma reunião em Brasília no dia 30 de agosto. Durante a reunião, foi apresentada a proposta de reordenamento dos Institutos Federais e foi dado um prazo até o dia 20 de setembro para encaminhar a manifestação da instituição. A partir de então, foi elaborado um plano de ação para maximizar a transparência necessária ao tratamento da questão.

A proposta prevê a criação do Instituto Federal do Sul da Bahia a partir do desmembramento do IF Baiano e do IFBA. No caso, o IF Baiano deixaria de ter 14 campi e passaria a ter 11, enquanto o IFBA cairia de 23 para 16 campi. O Instituto Federal do Sul da Bahia passaria a ter 10 campi. Os três institutos passariam a ter seus campi mais regionalizado.

De acordo com a instituição, o plano definido teve como prioridade realizar reuniões com todos os segmentos da comunidade do IF Baiano para apresentar as informações que a instituição tinha até o momento e ouvir a opinião de servidores, estudantes e demais membros da comunidade.

As primeiras reuniões foram realizadas pelo reitor com o Conselho Superior (Consup), em seguida com o Conselho de Diretores (Codir) e por fim com a comunidade estudantil, nos dias 01, 02 e 03 de setembro. Depois, cada diretor em seu campus se reuniu com servidores e estudantes e, na reitoria, cada pró-reitoria e diretoria sistêmica ouviu os servidores do setor.

O passo seguinte foi a designação de uma Comissão Mista Codir-Consup para elaborar o documento apresentando o posicionamento da comunidade do IF Baiano, que se colocou contrária à proposta de reordenamento, bem como um ofício conjunto do IF Baiano e IFBA informando a posição contrária de ambas instituições. Esse ofício foi assinado pelos(as) reitores(as) do IF Baiano e IFBA e protocolado na Setec/MEC.

Por fim, o reitor optou por ir à Brasília, acompanhado da pró-reitora Hildonice Batista, presidente da Comissão Mista Codir-Consup, e do servidor Mateus Melo, representante do Consup, entregar pessoalmente o documento e reforçar o pedido de que a opinião da comunidade seja respeitada. Destacou ainda que esse posicionamento fosse visto como uma característica de maturidade e pertencimento da comunidade ao nosso instituto que reserva características muito particulares, a exemplo de ser 100% agrícola, sendo necessário em todo o território baiano.

A comunidade o IFBA também se manifestou sobre a proposta, no entanto, a instituição ainda não divulgou o posicionamento levantado.

- Advertisement -
- Advertisement -

Relacionadas

Deixe uma resposta

- Advertisement -

Mais Lidas

- Advertisement -