Bahia

Homem tem pena prorrogada para 25 anos após crime ser considerado feminicidio

Publicado por
Joana Martins
Compartilhado

Acusado de matar a jornalista Daniela Bispo, em Salvador, no ano de 2017, Mateus William Oliveira Alecrim Dourado de Araújo foi condenado a 23 anos e 6 meses de prisão em regime fechado por feminicídio.  Ele já havia sido condenado por homicídio qualificado em 2018, mas a Justiça decidiu pela anulação do júri anterior momentos antes do julgamento desta terça.

Em 2018, Mateus William Oliveira Alecrim Dourado de Araújo, foi condenado a 17 anos, 10 meses e 15 dias de prisão, em regime fechado, por homicídio qualificado: motivo torpe, recurso que tornou impossível a defesa da vítima e meio cruel.

Na época, o júri afastou a qualificadora do femínicidio. No entanto, o segundo julgamento ocorreu justamente porque o Ministério Público Estadual (MP-BA) solicitou à Justiça a qualificadora para que Mateus também fosse condenado pelo crime de feminicídio.

Como ele já estava preso desde 2017, o tempo de reclusão deve ser descontado da pena definida hoje.

Ainda na audiência desta terça, o condenado disse que golpeou Daniela, mas a deixou ainda com vida, agonizando na escada do prédio. Essa informação irá entrar no processo cível que está em curso contra o prédio.

A defesa acredita que se a vítima tivesse sido socorrida, poderia ter sobrevivido, porém o corpo só foi encontrado muito tempo depois.

Entenda o caso 

Daniela foi morta na noite do dia 13 de novembro de 2017. Ela foi encontrada com marcas de espancamento e perfurações causadas por uma faca. Mateus foi preso no mesmo dia em que o corpo de Daniela foi achado e confessou o crime.

Daniela Bispo, que na época do crime tinha 39 anos, era formada em jornalismo, mas trabalhava em uma empresa de call center que funciona no prédio onde ela foi encontrada morta, localizado na Avenida Tancredo Neves.

Segundo informações de colegas de trabalho da vítima, ela começou o expediente às 14h da segunda-feira e deveria ter saído às 20h. No entanto, às 19h, Daniela pediu um intervalo e não retornou ao trabalho.

Segundo a polícia, o suspeito marcou um encontro com Daniela. Ele disse que iria buscar uma chave com uma das funcionárias do prédio para poder conseguir entrar. Durante a conversa, houve uma discussão entre os dois e, de acordo com a polícia, Mateus acabou matando a vítima.

De acordo com o G1, o crime ocorreu no sexto andar do prédio, mas o corpo de Daniela caiu nas escadas e foi parar no quinto. Durante a fuga, o homem trocou de camisa duas vezes para despistar a polícia, mas foi identificado por uma amiga da vítima, por meio das câmeras de segurança do prédio.

Ainda segundo a polícia, o suspeito usou um pedaço de paralelepípedo para atingir a jornalista. A pedra foi pega por ele a caminho do local do crime, o que, conforme as invetigações, indicam premeditação.

Mateus foi preso na cidade de Lauro de Freitas, na região metropolitana de Salvador. Ele foi autuado em flagrante por homicídio qualificado e encaminhado para o Complexo Penitenciário da Mata Escura.

De acordo com a polícia, Mateus alegou que matou Daniela porque estava sendo ameaçado pela vítima. Segundo a polícia, o homem era noivo na época do crime, mas tinha um caso com Daniela e disse que estava sendo pressionado por ela para que deixasse a companheira.

Conforme disse à polícia, Mateus e a vítima mantinham uma relação escondida desde 2013. Eles se conheceram quando trabalharam juntos em uma empresa de call center, em Salvador. Na época, os dois foram demitidos, mas continuaram se encontrando fora do trabalho.

Daniela foi enterrada no dia 15 de novembro de 2017, no Cemitério Ordem Terceira de São Francisco, na Baixa de Quintas, na capital baiana. Ela deixou dois filhos.

Joana Martins
Publicado por
Joana Martins

Notícias recentes

Estratégia inovadora, usada pelas grandes marcas, ajuda empresários de Guanambi a fidelizarem clientes e aumentar o faturamento

Segundo o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), em 2019 o…

Duas pessoas morreram após ônibus com destino a Vitória da Conquista se envolver em acidente em Minas Gerais

Mãe e filho morreram no fim da noite desse domingo (23) após o carro no…

Vitória da Conquista realiza vacinação de adultos, adolescentes e crianças nesta terça-feira

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) prossegue com a vacinação contra a Covid-19 no município…

FBF confirma volta do Flamengo de Guanambi à Série B do Campeonato Baiano em 2022

A Federação Bahia de Futebol (FBF) confirmou que o Clube Esportivo Flamengo, de Guanambi, está…

Sobradinho vai manter vazão de 4.000 m³/s no rio São Francisco até 1º de fevereiro

A Companhia Hidro Elétrica do São Francisco (Chesf) anunciou que vai manter a vazão de…

Olavo de Carvalho morreu aos 74 anos na Virgínia, EUA

Morreu na madrugada desta terça-feira (25), o escritor e influenciador Olavo de Carvalho, de 74…