Bahia

Mulher caiu dentro de buraco de três metros aberto na calçada após chuvas em Vitória da Conquista

Publicado por
Joana Martins
Compartilhado

Uma mulher precisou ser socorrida por Bombeiros após cair em um buraco em uma calçada em Vitória da Conquista. A vitima ficou  ferida depois que o solo da calçada cedeu na Rua Jorge Teixeira, por volta das 18h40. O Corpo de Bombeiros realizou o resgate e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado e esteve no local prestando assistência para a mulher.

A vitima teve escoriações pelo corpo, seu estado é estável e não precisou ser hospitalizada. De acordo com o G1, moradores contaram que o local onde o terreno cedeu tinha uma fossa, que foi fechada há tempos. No entanto, não havia nenhum indício de que o local iria abrir. Ainda conforme os bombeiros, buraco tinha cerca de três metros de profundidade. A área foi isolada.

Também nesta terça (30), na Rua Gilberto de Queiroz, no bairro Guarani, duas paredes de adobe da lateral de uma residência desabaram. Uma senhora de 95 anos teve escoriações leves, mas recebeu os cuidados médicos necessários e passa bem.

Reprodução | PMVC

A estrutura da residência, que tem mais de 30 anos, foi inspecionada pelos técnicos da Defesa Civil. “Agora, procederemos com os laudos, que vão apontar o que contribuiu para que esse acidente ocorresse e as suas consequências para que as providências necessárias sejam tomadas. Mas, de imediato, já vamos fazer a notificação para que a obra que está sendo realizada ao lado seja interditada e a estrutura do imóvel protegida”, explicou o coordenador da Defesa Civil, José Antônio Vieira.

Com as fortes chuvas e ventos, várias estradas da zona rural foram danificadas, e o trabalho de manutenção ainda está sendo feito, porque a chuva impede o trabalho das máquinas. No fim de semana, também foram registrados vários alagamentos e problemas com a rede elétrica.

Foto: Reprodução/TV Bahia

Chuvas em Vitória da Conquista

De acordo com o Centro Nacional de Monitoramento e Alerta de Desastras Naturais (Cemadem), Choveu cerca de 240 mm em alguns pontos da cidade durante o mês de novembro, como no caso do bairros Barcelar e Patagônia. No Centro da cidade o acumulado foi de pouco mais de 200 mm.

Nos últimos cindo dias, o acumulado médio na cidade foi de 55 mm. A chuva desta terça-feira teve precipitação de até 20 mm em algumas regiões da cidade, como o Lamantão e o Centro.

Foram 16 dias com registro de chuvas na cidade durante o mês. O maior acumulado foi registrado no dia 9, no bairro Barcelar, quando choveu 40,7 mm.

 

 

Joana Martins
Publicado por
Joana Martins

Notícias recentes

Prefeitura de Salvador contratará cerca de 200 profissionais de saúde nos próximos dias

O prefeito de Salvador, Bruno Reis, anunciou nesta quarta-feira (26), que vai contratar mais 200…

Guanambi começa a vacinar crianças de 11 anos contra Covid-19 nesta quinta-feira

O município de Guanambi irá vacinar as crianças de 11 anos sem comorbidades contra a…

Prefeitura de Guanambi nomeou comissão para realização de concurso público com 100 vagas

O decreto de nomeação da Comissão Especial de Concurso Público para o preenchimento de vagas…

Prazo para regularização do Simples Nacional foi ampliado para 31 de março

Os donos de pequenos negócios que estão com débitos com o Fisco terão mais tempo…

Bamin abre mais de 30 vagas de emprego para Caetité, Jequié, Salvador e Ilhéus

A Bahia Mineração (Bamin) está ofertando 31 vagas de emprego em Caetité, Ilhéus, Jequié e…

Enchente histórica de 1992 em Guanambi completa 30 anos nesta quarta-feira

As chuvas intensas e enchentes assolaram muitos municípios baianos no fim de 2021 e trouxeram…