18.9 C
Guanambi
14.8 C
Vitória da Conquista

Serviço de mototaxi de Guanambi terá novos coletes exclusivos para mulheres

spot_img
- Advertisement -

Últimas Notícias

Tiago Marqueshttps://agenciasertao.com/
Tiago Marques é redator e editor do site Agência Sertão. Trabalha com produção de conteúdo noticioso para rádio e internet desde 2015.
- Advertisement -

A Prefeitura de Guanambi informou que o serviço de mototáxi passará por alterações em obediência ao que determina a Lei 1.356/2021, que estabelece a reserva de 10% de vagas profissionais do sexo feminino.

Durante esta semana, o secretário municipal de Infraestrutura, Michel Macedo, o presidente da entidade representante da categoria, Nivaldo Gomes, e a vereadora Maria Silvia (Lilia), e o superintendente municipal de Trânsito, João de Deus Cotrim,  estiveram reunidos para tratar do assunto.

A vereadora está cobrando e mediando o cumprimento da norma para beneficiar as mulheres. Um grupo de mulheres interessadas em ingressar no serviço também participaram da reunião para debater as medidas relacionadas ao tema.

De acordo com a prefeitura, para adequar à lei municipal, a Superintendência Municipal de Trânsito autorizará inicialmente a inclusão de dez mototaxistas femininas, até que alcance o total de 24, correspondente aos 10% do total de 242 profissionais em atividade.

A forma de seleção das mulheres para concessão dos coletes ainda não foi informada pelo poder público municipal.

Conexão com o Senatran

Ainda segundo a prefeitura, o município de Guanambi, por meio da Superintendência Municipal de Trânsito (SMTran), foi autorizado a acessar todos os sistemas e subsistemas informatizados da Secretaria Nacional de Trânsito (Senatran), órgão máximo executivo do Sistema Nacional de Trânsito (SNT), que tem autonomia administrativa e técnica, e jurisdição sobre todo o território brasileiro.

Segundo o João de Deus Cotrim este é um passo importante para desburocratizar as ações de identificação de propriedade e todos os registros relacionados à vida do veículo. Quando queremos informações de um automóvel de outro estado, por exemplo, oficiamos ao Detran Bahia e este por sua vez ao órgão de trânsito do outro estado. Agora nós é que poderemos acessar direto sem burocracia”, explica Cotrim.

Aumento de acidentes

Em apenas três dias, pelo menos doze acidente foram registrados em Guanambi. Ao todo, dez pessoas ficaram feridas e uma morreu. A maior parte dos acidentes envolveu motoristas e motociclistas inabilitados e veículos irregulares. Também houve casos de acidentes causados por embriaguez na direção.

- Advertisement -
- Advertisement -

Relacionadas

Deixe uma resposta

- Advertisement -

Mais Lidas

- Advertisement -