17.2 C
Guanambi
11.8 C
Vitória da Conquista

Salvador perdeu mais de 257 mil habitantes e deixou de ser a cidade mais populosa do Nordeste

Mais Lidas

Salvador foi a cidade com maior perda populacional entre 2010 e 2022. Os dados são do Censo Demográfico de 2022, divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nesta quarta-feira (28).

Segundo os dados, a capital baiana tem 2.418.005 habitantes, 257.651 habitantes,  ou 9,6% a menos do que no último recenseamento, quando foram calculados 2.675.656 habitantes. A diminuição é maior do que a população de todas as cidades da Bahia, com exceção de Feira de Santana, Vitória da Conquista e Camaçari.

Com isso, a cidade deixou deixou de ser a terceira mais populosa do país e passou a ser a quarta, superada por Brasília e Fortaleza, perdendo também o posto de cidade mais populosa da região Nordeste, posto que ocupava desde o início da série histórica do IBGE.

Apesar da queda da população, Salvador se manteve como a terceira cidade com maior número de domicílios, 1.212.328 no total, ficando atrás de São Paulo (4.996.495 domicílios) e Rio de Janeiro (2.920.302). O número é 25,9% maior do que o registrado em 2010.

Os dados apontam que houve diminuição no número de moradores por residência, caindo de 3,1 em 2010, para 2,5 este ano, acompanhando uma tendência registrada no Brasil, onde a média caiu de 3,3 para 2,8.

Com área de 693 quilômetros quadrados (km²), a capital da Bahia tem densidade demográfica de 3.486,96 hab/km².

Capitais brasileiras com maiores populações – Censo 2022

São Paulo – 11.451.245
Rio de Janeiro – 6.211.423
Brasília – 2.817.068
Fortaleza – 2.428.678
Salvador – 2.418.005

Ocupação de domicílios

De acordo com o IBGE, do total de domicílios recenseados em Salvador, 958.680 (79,18%) eram permanentemente ocupados, 198.924 (16,43%) estavam vagos e 53.200 (4,39%) eram de uso ocasional.

O Censo

O Censo é uma pesquisa realizada pelo IBGE para fazer uma ampla coleta de dados sobre a população brasileira. Ela permite traçar um perfil socioeconômico do país, já que conta os habitantes do território nacional, identifica suas características e revela como vivem os brasileiros.

Todos os 5.568 municípios brasileiros, mais dois distritos (Fernando de Noronha e Distrito Federal), num total de 5.570 localidades, receberam visita de recenseadores. Segundo o IBGE, foram visitados 106,8 milhões de endereços em 8,5 milhões de quilômetros quadrados.

Foram respondidos 79.160.207 questionários, dos quais 88,9% com 26 quesitos e 11,1% com 77 quesitos. No total, 98,88% das entrevistas foram presenciais; o restante foi pela internet ou telefone.

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta

Últimas