20.6 C
Guanambi
18.3 C
Vitória da Conquista

Chocolat Festival faturou mais de R$ 40 mil em Ilhéus

Mais Lidas

Com participação expressiva no Chocolat Festival, realizado entre nos últimos 20 e 23 deste mês, em Ilhéus, a Economia Solidária do Litoral Sul da Bahia celebra o montante de aproximadamente R$ 40 mil em vendas durante a 30ª edição do evento, que atraiu expositores de diversas partes do Estado e do Brasil, além de visitantes e turistas. O Centro Público de Economia Solidária (Cesol) Litoral Sul participou com espaço próprio de comercialização expondo a diversidade produtiva da região, itens feitos por empreendimentos econômicos solidários do território.

No evento cerca de 50 empreendimentos expuseram seus chocolates em barra de diversos tipos como branco, ao leite, vegano e em diversas porcentagens de cacau, além de melaço de cacau, pinga de cacau, balinhas de cupuaçu e artesanatos com a identidade do Litoral Sul da Bahia. Os itens foram comercializados no Centro de Convenções de Ilhéus.

A iniciativa mobilizou a Itabuna, Ilhéus e região que foi até o espaço conferir de perto a programação do evento. O festival contou com cozinha show, palestras, comercialização de produtos e apresentações artísticas.

“O Cesol Litoral Sul mais uma vez chega junto desse evento que é um dos principais do segmento do cacau e chocolate no Brasil e reúne expositores de diversas partes do país, além de parceiros estratégicos que podem gerar relacionamentos e network para ações futuras contribuindo assim para o desenvolvimento, sobretudo, da economia solidária – núcleo que conta com a presença expressiva de mulheres que empreendem em coletivo para gerar sustento para suas famílias e fomentam outro tipo de economia em nosso território: a economia solidária e pautada em princípios de cooperativismo e autogestão, por exemplo”, destacou o coordenador geral do Cesol Litoral Sul, Thiago Fernandes.

Internacionalização do Chocolate

Além de comemorar o montante de cerca de R$ 40 mil em vendas durante o evento, Thiago lembrou do pioneirismo do Cesol e da economia solidária da Bahia por meio de um projeto piloto de internacionalização do Chocolate, em parceria com o Núcleo de Práticas em Economia e Relações Internacionais (NERI) da Universidade Salvador (UNIFACS). Neste primeiro momento, três marcas participam de um consórcio para exportação de chocolates baianos: Modaka, Natucoa e Benevides.

Marca Caçula

Mais novo empreendimento da cadeia socioprodutiva do cacau, a marca Chocolates ChocoSol surgiu em março de 2023, quando sua fábrica-escola foi inaugurada. O espaço funciona na Universidade Estadual De Santa Cruz (Uesc) e beneficia o cacau de empreendimentos da economia solidária atendidos com assistência socioprodutiva do Cesol Litoral Sul. Durante o Chocolat Festival foi lançado o chocolate branco da marca que em breve terá sua cooperativa própria.

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta

Últimas