24.6 C
Guanambi
19.8 C
Vitória da Conquista

Ifood tem vagas de emprego remotas e presenciais em Alagoas, Bahia e São Paulo

Mais Lidas

O iFood Tech está com diversas vagas de emprego abertas remotas e presenciais em Alagoas, Bahia e São Paulo. Os anúncios das vagas foram divulgados pela empresa por período indeterminado.

As vagas são para cargos de executiva de vendas externas, especialista tributário, coordenador de experiência, backend software engineer Sênior, android software engineer, analista jurídico tributário sênior, analista growth sênior, analista de BI sênior, analista contabil sênior e analisa SR FP&A.

O iFood é uma plataforma digital que usa a tecnologia para conectar consumidores, entregadores, restaurantes e varejistas e levar refeições e compras à casa dos clientes.

Atualmente, tem mais de 300 mil estabelecimentos cadastrados e 200 mil entregadores conectados em mais de 1.700 cidades em todo o Brasil.

Aos contratados, a empresa oferece horários flexíveis, programas de apoio à saúde física e mental para colaboradores e seus familiares, além de assistências médica, odontológica, seguro de vida e parceria na compra de medicamentos.

Os interessados devem se escrever no site de recrutamento da empresa. A Agência Sertão não recebe currículo, apenas seleciona as vagas e divulga. Outras oportunidades de emprego, concurso público e edital você pode conferir em nosso guia de oportunidade.

Investimento em tecnologia e cursos 

Sendo uma empresa brasileira, o iFood também alimenta o ecossistema de inovação e investe no desenvolvimento de tecnologias nacionais. Nesta segunda-feira (18), o iFood Tech em parceria com a DIO, as inscrições para o Bootcamp Potência Tech iFood, com 50 mil bolsas para quem quer aprender programação do zero ou desenvolvimento de jogos.

As inscrições vão até o dia 29 de outubro, e as bolsas são voltadas para profissionais iniciantes ou em transição de carreira, principalmente em situação de vulnerabilidade socioeconômica ou grupos de diversidade –todos devem ter mais de 18 anos.

O bootcamp terá duas trilhas. Uma delas, Programação do Zero, é um curso online de 60 horas para fortalecer a base da programação treinando a lógica computacional. Os participantes vão aprender sobre algoritmos e aplicar os novos conhecimentos no desenvolvimento de um software.

Já a trilha de desenvolvimento de jogos ensina Javascript desenvolvendo games nessa linguagem, e tem uma carga de mais de 70 horas. No final, os participantes criaram um jogo e um simulador de piano, entre outras atividades.

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta

Últimas